Futebol Concorrência com Fagner não assusta novo lateral do Corinthians: 'O futebol tem momento para todos'

Concorrência com Fagner não assusta novo lateral do Corinthians: 'O futebol tem momento para todos'

João Pedro foi apresentado pelo Timão nesta quinta-feira (2) e acredita que o clube disputará muitas competições em 2022, o que acarretará em revesamento na posição

Lance
Lance

Lance

Lance

Para o lateral-direito João Pedro, apresentado no Corinthians nesta quinta-feira (2), atuar na mesma posição que o ídolo corintiano Fagner não será problema.

- Eu conheço o Fagner já há um tempo, acompanho ele, admiro ele muito, a trajetória dele no futebol, não só ele como outros atletas aqui do Corinthians, eu acompanho desde antes e admiro. O futebol tem o momento para todos, então venho aqui com o pensamento de trabalhar, fazer o meu melhor e quando tiver as minhas oportunidades, abraçar e fazer o meu melhor. Admiro muito sim o Fagner, gosto muito dele, tenho uma admiração enorme, mas vou fazer meu trabalho aqui, procurar fazer o meu melhor para que corra tudo bem – disse o novo reforço do Timão em entrevista coletiva virtual.

>> Baixe o novo app de resultados do LANCE!
>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

Além disso, João Pedro acredita que na próxima temporada o Corinthians disputará mais do que uma competição, diferentemente como ocorre desde o início do segundo semestre deste ano que, o Timão está focado apenas no Campeonato Brasileiro.

- Pela oportunidade que eu venho tendo não preciso nem descrever, o tamanho que é o Corinthians, isso já é uma grande oportunidade, estar vestindo essa camisa. No próximo ano acredito que teremos muitos campeonatos para disputar e é quase impossível um jogador da mesma posição fazer todos esses jogos, então acredito que vou ter boas oportunidades de fazer jogo – disse João.

Novo camisa 2 corintiano, João Pedro tem contrato de empréstimo pelo Porto até junho de 2022, com opção de compra ao fim do contrato (os valores foram mantidos em sigilo).

Durante a sua apresentação, o jogador admitiu que as suas principais características são ofensivas, mas que o seu período no futebol português, em 2019, fez com que ele desenvolvesse consciência defensiva.

Últimas