Futebol Com saída de 5 jogadores, Botafogo economizará R$ 400 mil em salários

Com saída de 5 jogadores, Botafogo economizará R$ 400 mil em salários

Clube não renova vínculos de Cícero, Helerson, Victor Luís, Saulo e Kelvin e consegue respirar no valor dos vencimentos mensais

Lance
Cícero é um dos jogadores que está deixando o Botafogo

Cícero é um dos jogadores que está deixando o Botafogo

Lance

O Botafogo conseguiu, oficialmente, dar um respiro em relação aos vencimentos mensais envolvendo o elenco. Nesta segunda-feira (1), o vínculo de cinco jogadores com o clube acabou e, desta forma, o Alvinegro terá uma economia de praticamente R$ 400 mil por mês nos salários.

Cícero, Helerson, Saulo e Kelvin não tiveram os contratos renovados e Victor Luís - que tinha os salários divididos com o Palmeiras - retornou ao Verdão. Com a saída destes atletas, o clube de General Severiano tem essa economia mensal de quase meio milhão por mês.

Dos cinco, o maior salário era o de Cícero. O meio-campista, que chegou em 2019, passou por uma renovação automática no contrato, mas teve uma negociação com a diretoria para ter o vínculo encerrado de forma precoce, já que o clube não terá condições de arcar com os vencimentos do volante na Série B.

Outros jogadores, como Salomon Kalou, também negociam a saída e rescisão de contrato, o que pode gerar uma economia ainda maior para os cofres da diretoria do Botafogo.

Com a queda de orçamento gerada pelo rebaixamento à segunda divisão, a diretoria do Glorioso busca se livrar da maioria dos altos contratos no atual elenco. As negociações acontecem ao mesmo tempo em que os dirigentes buscam jogadores que se encaixam na nova realidade financeira do clube.

Últimas