Futebol Com números do programa em queda, Flamengo faz apelo a sócios: 'A Nação sempre manteve a fé'

Com números do programa em queda, Flamengo faz apelo a sócios: 'A Nação sempre manteve a fé'

Após crescimento em 2019, o número de associados ao programa Nação Rubro-Negra tem queda acentuada em 2020, em especial após a paralisação do futebol por conta da Covid-19

Lance
Lance

Lance

Lance

Em meio à paralisação do futebol por conta da pandemia do coronavírus, os número do programa "Nação Rubro-Negra" estão em queda. Nos últimos 14 dias, o Flamengo perdeu cerca de 5 mil sócios-torcedores, com o portal do clube apontando 109.457 associados nesta sexta, dia 24 de abril. Diante da incerteza sobre o retorno dos jogos, foi divulgado o "Manifesto Sócio Torcedor", enviado diretamente aos sócios e publicado no canal oficial do Fla no Youtube.

- Estivemos juntos desde o início. Quando poucos acreditavam, a Nação sempre manteve a fé. E o apoio só cresceu. A cada dia, mais gente fazendo o Flamengo mais forte, mais confiante, mais arrasador. Houve momentos em que só nós acreditamos até o último minuto. As conquistas vieram, milhões vibraram nas avenidas, nas praças, em todo o Brasil. E 2020 começou com mais vitórias - diz o narrador no início do vídeo, que tem 2 minutos e 30 segundos de duração.

A produção conta com imagens da torcida e do time em 2019 e 2020, e destaca, especialmente, o papel da Nação nas conquistas dos títulos do Carioca, Brasileirão, Libertadores, Recopa Sul-Americana e Supercopa do Brasil. No fim do vídeo, vem o apelo ao sócio: "Continue jogando junto" e "Continue na luta".

Recentemente, Luiz Eduardo Baptista, vice-presidente de Relações Exteriores procurou tranquilizar os associados, afirmando, em entrevista à 'FlaTV", que "tudo aquilo que estava previsto" será entregue até 30 de dezembro, garantindo a realização de todos os torneios. No início do ano, a diretoria ofereceu aos sócios pacote de ingressos para todas partidas como mandante em 2020 e outro com entradas para todos jogos no Maracanã pelo Brasileirão.

Até então, o clube da Gávea ainda não havia se posicionado sobre esta questão - apesar de alternativas estarem sendo avaliadas internamente. A diretoria aguarda a definição sobre o andamento dos torneios - quando e como serão disputados e se contarão com a presença de público - para dar "o próximo passo" quanto ao programa "Nação Rubro-Negra", o qual é uma receita crescente e, a cada ano, mais importante dentro da quadro financeiro do Fla.

Últimas