Com elenco em Cotia, Rojas segue tratando lesão no CT da Barra Funda

Atacante se recupera da segunda cirurgia no joelho direito, feita em agosto, e ainda vai demorar para voltar: operação ainda não completou cinco meses

Joao Rojas não jogou em 2019: ele passou por duas cirurgias no joelho direito

Joao Rojas não jogou em 2019: ele passou por duas cirurgias no joelho direito

Lance

Enquanto o elenco do São Paulo está concentrado no CFA de Cotia desde a tarde de quarta-feira, o atacante equatoriano Joao Rojas segue em tratamento no CT da Barra Funda. Ele se recupera da segunda cirurgia seguida no joelho direito e ainda deve demorar um tempo para ser liberado pelos médicos.

Rojas rompeu o tendão patelar do joelho direito no dia 26 de outubro de 2018, durante partida contra o Vitória, e não voltou mais a jogar. Em 12 de agosto de 2019, quase dez meses após a primeira cirurgia, ele rompeu o tendão quadricipital do mesmo joelho durante um treino de finalizações e precisou passar por nova cirurgia. Na época, ele começava a retomar a rotina de trabalho ao lado dos companheiros e se preparava para ficar novamente à disposição da comissão técnica.

Essa segunda operação está prestes a completar cinco meses. Lesões desse tipo costumam demandar cerca de oito meses de recuperação, prazo que se completará em abril. Mas o São Paulo, como de costume, não divulga uma expectativa de retorno.

O caso de Rojas tem uma particularidade: trata-se de uma situação raríssima, com rompimento em sequência de dois tendões do mesmo componente de movimento, o extensor. O tendão patelar fica abaixo da patela, enquanto o quadricipital fica acima. Um é a continuação do outro, são as conexões do músculo anterior da coxa ao osso. Especialistas apontam que é difícil fazer previsão de retorno por não haver muitos precedentes e pelo fato de depender muito da evolução individual do atleta.

Rojas perdeu parte das férias para tentar acelerar o tratamento. Ele trabalhou no CT da Barra Funda até o dia 20 de dezembro, enquanto a maioria dos companheiros saiu para descanso no início do mês.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook. 

'Seleção dos renegados': jogadores no mercado formariam timaço