Futebol Com 44 minutos jogados, Robben revela: 'Cabeça pede para parar'

Com 44 minutos jogados, Robben revela: 'Cabeça pede para parar'

Carrasco do Brasil em 2010 jogou duas partidas pelo Groningen, clube em que foi revelado. Aos 36 anos está em sua última temporada na carreira

Lance
Robben não consegue ter sequência pelo Groningen

Robben não consegue ter sequência pelo Groningen

Divulgação/FC Groningen

O atacante Robben, aquele holandês que ajudou a eliminar a seleção brasileira na Copa de 2010, em entrevista à “Sky Sports” admitiu a dificuldade em voltar aos gramados pelo Groningen. O veterano, que anunciou aposentadoria em 2019, retornou ao clube em que foi revelado em 2020, mas só conseguiu participar por 44 minutos devido à lesões.

- Só espero voltar ao campo. Tive muitos contratempos. Sabia que seria uma tarefa complicada e um desafio. Para ser sincero, a energia desapareceu nas últimas semanas e minha cabeça pede para me retirar. Mas há alguém dentro de mim, na minha cabeça, que me impede de parar. Minha carreira acabou. Esse ano já foi um bônus e seria genial se tudo funcionasse em 2021.

Aos 36 anos, o atacante contraiu uma lesão na virilha na estreia do Campeonato Holandês, conseguiu retornar na 5ª rodada, mas se machucou novamente. Na Eredivisie, o Groningen ocupa a quinta colocação na tabela e está a sete pontos do líder Ajax. O clube luta para conquistar uma vaga nas competições europeias na próxima temporada.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook.

Brasil é terceira seleção mais valiosa do mundo, veja os dez primeiros

Últimas