City Football Group quer comprar o Nancy, da segunda divisão francesa

As negociações foram paralisadas por conta do coronavírus, mas devem ser retomadas em breve

Lance

Lance

Lance

O City Football Group (CFG) busca a compra do Nancy, da segunda divisão francesa. O grupo, que já é dono de diversos clubes ao redor do mundo, entre eles o Manchester City, teve que paralisar as conversas por conta do coronavírus, mas logo devem ser retomadas.

O atual presidente do Nancy, Jacques Rousselot, acredita na concretização da transação logo que as coisas se normalizarem. Ao "L'Équipe", afirmou que o acordo teria sido fechado no final de março, mas o coronavírus impediu.

"Ainda queremos adquirir o Nancy. Estamos diante de uma crise global. Hoje, existem aspectos sobre os quais não temos controle, mas, apesar disso, não mudamos de direção", afirmou o CFG, em um comunicado.

Os clubes administrados pelo CFG são: Manchester City (Inglaterra), New York City (EUA), Melbourne City (Austrália), Yokohama F. Marinos (Japão), Guayaquil City (Equador), Montevideo City Torque (Uruguai), Girona (Espanha), Sichuan Jiuniu (China) e Mumbai City (Índia).