Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Christophe Galtier, ex-PSG, acerta com equipe de Phillipe Coutinho

Francês deixou o Paris após temporada turbulenta, acumulando fracassos na Champions e na Copa da França

Futebol|Do R7


Lance
Galtier jogou em duas oportunidades fora da França, mas passará pela primeira experiência como treinador em solo estrangeiro (Foto: Reprodução / Twitter)

O Al Duhail, equipe defendida por Phillipe Coutinho no Qatar, anunciou nesta quinta-feira a contratação do técnico Christophe Galtier. O comandante esteve à frente do Paris Saint-Germain na última temporada, mas estava sem clube desde o desligamento, em julho.

A vaga agora ocupada por Galtier estava vazia com a saída do argentino Hernán Crespo, ex-São Paulo. Crespo completou a Tríplice Coroa nacional na última temporada, ganhando a Copa, a Liga e a Copa das Estrelas do Qatar. Porém, em 2023-24, não teve o mesmo sucesso nas rodadas iniciais da Q-League, deixando a equipe na quarta colocação, e não conseguiu vencer nenhum dos primeiros jogos na Champions Asiática.

+ Transforme sua paixão pelo futebol em profissão. Descubra o caminho com o curso Gestor de Futebol!

Galtier havia assumido o PSG antes do início de 2022-23. Porém, o comandante lidou com diversos problemas entre as estrelas de seu elenco, além de fracassos acumulados na Champions League e na Copa da França, caindo em ambas na fase de oitavas de final. No fim, ainda conseguiu erguer a taça da Ligue 1, o que não foi suficiente para a manutenção do cargo, sendo substituído pelo espanhol Luis Enrique.

Publicidade

+ Com Raphinha no topo da lista, Barcelona tem dívida astronômica por contratações de jogadores, afirma jornal

Esta será a primeira experiência de Christophe como treinador fora do solo francês. Antes do Paris, havia sido técnico de Saint-Étienne, Lille e Nice. Durante sua passagem na capital, Galtier foi acusado por um ex-diretor esportivo do Nice de ter cometido atos de racismo e de intolerância religiosa, contra jogadores negros e muçulmanos do clube da Costa Azul. O marselhês chegou a ser detido, mas foi solto, e as investigações do caso seguem em andamento.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.