Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Caso Bellingham-Greenwood é arquivado pela Justiça Espanhola

Perícia em leitura labial confirma que não há provas suficientes da fala do meia inglês

Futebol|

Lance
Lance Lance (Lance)

O caso de Jude Bellingham a Mason Greenwood foi arquivado pela impossibilidade de provar o possível insulto do atleta do Real Madrid ao companheiro de seleção. O meia inglês foi acusado de ter chamado o atacante do Getafe de "estuprador". A Federação Espanhola (RFEF) confirmou que não existe clara evidência daquilo que Bellingham disse ao compatriota, apesar da perícia labial.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

A situação ocorreu após um Getafe e Real Madrid em La Liga, no dia 1° de fevereiro, em que os blancos venceram por 2 a 0 no Coliseum. O caso se tornou viral mesmo sem os jogadores terem comentado sobre o assunto posteriormente. Os Azulones enviaram uma denúncia ao diretor da LaLiga sobre o acontecido, porém outras vozes nas redes sociais afirmaram que o que Bellingham disse não era “estuprador” , mas sim “lixo”.

No final de 2022, Greenwood foi detido na Inglaterra após ser acusado de agressão sexual e violência doméstica, por meio das redes sociais de sua ex-namorada, Harriet Robson. O ex-Manchester United ficou preso por dois dias e foi liberado após pagamento de fiança. Meses depois, o atleta voltou a ser preso por ter violado as condições propostas ao buscar novo contato com a vítima. O inglês seguiu respondendo pelo processo até janeiro de 2023, quando as acusações de violência foram retiradas.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.