Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Brasileiro projeta duelo contra Al-Nassr de CR7 e Mané e pede concentração: ‘É um jogo diferente’

Volante Flávio, ex-Bahia, atua pelo Al-Taawoun e vai enfrentar o Al-Nassr de CR7 e Mané pela Saudi Pro League

Futebol|

Lance
Lance Lance

Na próxima sexta-feira (18), o Al-Taawoun, que conta com alguns brasileiros no elenco e é comandado pelo técnico Péricles Chamusca, enfrenta o Al-Nassr, de Cristiano Ronaldo, Mané & Cia. na Liga Saudita. Projetando o duelo, o volante Flávio, ex-Bahia, admitiu que a preparação para uma partida dessas exige um nível de concentração maior.

- É um jogo diferente, não tem como negar… Mas, em um jogo desses, o nível de concentração tem de estar lá em cima. A gente sabe da qualidade dos jogadores que vamos enfrentar, da história que eles têm também no futebol, então temos de estar ligados a todo momento para não deixá-los mostrar essa qualidade - disse Flávio, que admite a ansiedade:

+ Seu coração também bate por um Clube internacional? Aproveite camisas com até 50% OFF

- Ansiedade sempre tem antes de todos os jogos, imagina em um desses, né? Que é tão importante pra gente na sequência da temporada. Porém quando você entra ali em campo, já para o aquecimento, ela vai embora isso não atrapalha. Estaremos prontos.

Publicidade

+ Al-Nassr tem interesse em contratar Alisson, goleiro do Liverpool, diz site

Na última temporada, no primeiro confronto entre Al-Taawoun e Al-Nassr, Flavio estava em campo e saiu vitorioso. No segundo turno, lesionado, o volante brasileiro não teve a oportunidade de enfrentar Cristiano Ronaldo. Agora, Flavio vislumbra o encontro com o ídolo.

Publicidade

+ Al-Hilal anuncia a contratação de Neymar; assista ao vídeo

- Ano passado não tive a oportunidade de enfrentar ele. Foi triste, claro. Queria estar em campo, jogando, é um cara que sou fã por tudo que fez ao longo da sua carreira e pelo profissional que é. Tive a oportunidade de jogar contra o Al Nassr e sair, com os três pontos. Espero que esse cenário se repita novamente, e agora poder atuar contra ele vai ser algo gratificante, com certeza.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.