Braithwaite: 'Minha mulher pensava que eu tinha uma amante'

Negociação que levou o atacante Dinamarquês do Leganés ao Barcelona era tão sigilosa que nem mesmo a esposa do atleta sabia: 'o telefone tocava, eu atendia e saía de fininho'

Lance

Lance

Lance

Em entrevista ao 'The Guardian' o atacante Martin Braithwaite comentou detalhes dos bastidores da sua transferência do Leganés para o Barcelona no início do ano. O momento mais hilário foi quando o dinamarquês disse que o sigilo era tão grande que nem mesmo a sua mulher sabia o que estava acontecendo: ela pensou que ele a estava traindo com alguma amante.


- Ela sentiu que algo estava acontecendo, pois eu recebia muitos telefonemas, saindo às escondidas de casa, apesar de estar muito frio lá fora. Minha esposa estava se perguntando se tinha um amante ou algo assim. Até a noite em que eu disse: Vou te contar. E ela respondeu: 'Sei o que você vai dizer'.
Braithwaite falou sobre o fim do negócio, a esposa entendeu tudo o que havia acontecido.

Messi, o divino

Segundo o Guardian, se houve traição, era com um amante: Lionel Messi. Afinal, o jogador é ídolo de carteirinha do argentino.

- Se o futebol é uma religião, Messi é o seu Deus - disse o dinamarquês, que comentou que quando recebeu uma camisa do Messi, nem a lavou.

O negócio

Braithwaite foi contratado pelo Barcelona ao Leganés em fevereiro junto ao Laganés por 18 milhões de euros (R$ 85 milhões na época).