Futebol Barcelona deve decidir futuro de Emerson e outros três jogadores

Barcelona deve decidir futuro de Emerson e outros três jogadores

Lateral brasileiro termina empréstimo com o Betis ao final desta temporada. Além de Emerson, Pedri González, Trincão e Carlos Aleña poder ser aproveitados ou emprestados

Lance
Lance

Lance

Lance

O Barcelona deve decidir o que fazer com algumas peças que vão chegar ou que irão retornar ao clube ao final da atual temporada do futebol europeu. Pedri González, de 17 anos, e Trincão, de 20 anos, foram as duas contratações feitas pelos culés antes da crise do coronavírus e podem ser emprestados para ganhar rodagem. Já Carlos Aleña e Emerson, ambos cedidos ao Betis, podem ficar mais um ano na equipe alviverde.

O lateral brasileiro Emerson vive um ótimo momento e chama a atenção de diversos grandes clubes da Europa, como a Inter de Milão e o Tottenham. O plano blaugrana é de que o jogador fique mais uma temporada no Betis como titular para ganhar minutos e experiência. Como ainda não possui nacionalidade espanhola, o atleta não poderia fazer parte do plantel do Barça, mas é visto como o sucessor de Semedo na posição.

Pedri é jogador do Las Palmas e o grande destaque da equipe, apesar da pouca idade. Contratado quando ainda tinha 16 anos, o versátil meio-campista interessa diversos clubes da primeira divisão, como o Betis, Celta e a Real Sociedad. Outra opção seria ficar mais um ano na atual equipe para continuar o seu desenvolvimento na carreira.

Trincão está no Braga e já chegou a ser comparado como o “novo Cristiano Ronaldo”, além de ter sido eleito duas vezes o melhor jogador jovem da temporada do Campeonato Português. De acordo com o “Mundo Deportivo”, clubes da Espanha, Alemanha e Itália que se interessam pelo ponta. Caso não faça parte da primeira equipe na próxima temporada, o luso poderia continuar na atual equipe que está próxima de conseguir classificação para a Liga Europa.

O meio-campista Carlos Aleña, de 22 anos, termina seu contrato com o Betis ao final da temporada e não há uma cláusula no contrato sobre opção de compra, apesar de que o time de Sevilha queira contar com o atleta por mais uma temporada. O espanhol se sente bem e não descarta continuar no plantel dependendo das expectativas do Barcelona.

Últimas