Futebol Bahia se revolta com arbitragem e questiona troca de juiz após Flamengo contestar: 'Um assalto'

Bahia se revolta com arbitragem e questiona troca de juiz após Flamengo contestar: 'Um assalto'

Jogadores, presidente, técnico e perfil oficial do Tricolor externaram a insatisfação com pênalti marcado a favor do Flamengo, nesta quinta, no Maracanã

Lance
Lance

Lance

Lance

O Flamengo recebe o Bahia, nesta quinta-feira, no Maracanã, que conta com cerca de 5 mil torcedores no duelo válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. E o Tricolor de Aço se revoltou com a marcação de um pênalti após bicicleta de Diego Ribas. A reclamação é que a bola teria batido no peito de Conti, e não na mão - Gabigol converteu a cobrança.

Nas redes sociais, o Bahia fez uma série de postagens reclamando e ironizando o fato de o juiz Vinicius Gonçalves Dias Araújo ter assinalado o penal mesmo após conferência do VAR.

- Pelo terceiro jogo seguido, Bahia é absurdamente prejudicado pela arbitragem do Brasileirão. Juiz marca pênalti contra a gente. O VAR tentou avisar. Não adiantou - postou o Tricolor, que prosseguiu:

- 31'/1º - GOL DO FLAMENGO! UHUUU! DEU CERTO! CONSEGUIRAM! GOL DO FLAMENGOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO.

- O árbitro que foi alterado ONTEM marcou um pênalti desse em que NINGUÉM acha que tava certo além dele. Vontade de largar o futebol, véi - escreveu o perfil oficial do clube baiano.

Também nas redes sociais, o presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, fez questão de externar a sua insatisfação. E falou até em "assalto".

- O futebol brasileiro virou um escândalo, um assalto, um absurdo. Fechem as portas. Terceiro jogo seguido com erro afrontoso contra o Bahia. Vergonhoso, indisfarçável. Querem rebaixar o Bahia? Eu imagino porque. Mas não vão conseguir.

Já em relação aos personagens em campo, o goleiro Danilo Fernandes foi ao microfone, assim que o árbitro apitou o fim do primeiro tempo, vencido parcialmente pelo Rubro-Negro por 1-0, e também mostrou a revolta:

- Na hora eu não tive muita ideia do que tinha acontecido. Foi ridículo, brincadeira o pênalti que ele deu. O Conti está com o braço aberto, mas a bola bate no peito. Não sei a intenção ou a má intenção, porque nós tivemos dois jogos consecutivos. A gente vem jogar aqui fora, contra o Flamengo... No mínimo estranho - disse Danilo Fernandes, ao canal "Premiere".

Na transmissão do jogo, aliás, foi possível ver o técnico Guto Ferreira se dirigir às câmeras e lembrar que o Flamengo, após erros da arbitragem no empate com a Chapecoense, na rodada passada, fez o clube pedir à CBF para que jogos da equipe sejam apitados por árbitro Fifa e viu a entidade trocar de árbitro às vésperas do jogo de hoje - Andre Luiz de Freitas Castro, de Goiás, apitaria o confronto. No entanto, o juiz desta noite é da categoria AB, ou seja, não é um árbitro Fifa, como queria Renato Gaúcho, por exemplo.

Últimas