Futebol Baggio sobre pênalti contra o Brasil em 1994: 'Sigo sem me perdoar'

Baggio sobre pênalti contra o Brasil em 1994: 'Sigo sem me perdoar'

Principal jogador da seleção italiana da Copa do Mundo disputada nos Estados Unidos perdeu cobranças que deu o título ao time dirigido por Parreira

Lance
Lance

Lance

Lance

Roberto Baggio, considerado um dos principais jogadores italianos de todos os tempos, se lamenta até os dias atuais do pênalti desperdiçado contra o Brasil na final da Copa do Mundo de 1994. Em entrevista ao "La Republicca", o jogador explica o sentimento daquele momento.

- Sigo sem me perdoar pelo pênalti desperdiçado na final do Mundial de 94 contra o Brasil. Não há religião que importe. Naquele dia, eu poderia me suicidar e não iria sentir nada.

Baggio conquistou o prêmio de Bola de Ouro em 1993, mas aos 54 anos está afastado do futebol. O atleta atuou pela Fiorentina, Juventus, Milan e Inter de Milão e encerrou a carreira no Brescia. O jogador conquistou uma Copa da Uefa, dois Campeonatos Italianos e uma Taça da Itália.

Últimas