Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Após seis derrotas seguidas, Chelsea reencontra a vitória e bate o Bournemouth pela Premier League

Sem chances de classificação para as Ligas Europeias, londrinos cumprem tabela no Campeonato Inglês

Futebol|Do R7

O Chelsea vive momento delicado na temporada e o jejum de seis partidas saindo derrotado terminou. Os Blues venceram o Bournemouth por 3 a 1, fora de casa, pela 35ª rodada da Premier League. Os gols foram marcados por Gallagher, Badiashile e João Félix, enquanto Matías Viña descontou para os Cherries.

Com este resultado, os londrinos permanecem na 11ª colocação, com 42 pontos, sem chances de classificação para as Ligas Europeias. Já o Bournemouth ocupa a 14ª posição, com 39.

+ Santos homenageia legado de Pelé com “Sala do Trono” no Memorial das Conquistas; veja imagens

PRÓXIMA RODADA

Publicidade

A equipe de Lampard volta a entrar em campo no próximo sábado, às 11h (de Brasília), contra o Nottingham Forest, no Stamford Bridge. O Bournemouth joga no mesmo dia e no mesmo horário, contra o Crystal Palace, fora de casa.

ABRIU O PLACAR

Publicidade

O Chelsea insistiu na jogada até encontrar o cruzamento na área. Aos oito minutos, a jogada foi iniciada na ponta direita e, em trocas de passes, Kanté encontrou o caminho e colocou a bola na medida para Gallagher cabecear para o gol.

GOLAÇO DE EMPATE

Publicidade

O Bournemouth não baixou o nível no jogo e foi atrás do gol. Aos 20 minutos, em bela troca de passes entre três jogadores, Matías Viña acertou um belo chute no ângulo, sem chances para Kepa.

POR MUITO POUCO

A melhor chance do Bournemouth na partida, após o gol, veio na reta final, aos 33 minutos do segundo tempo. Em cruzamento de escanteio de Lewis Cook, o camisa 8 Lerma ajeitou para o meio da área e Dango Ouattara, sozinho e frente a frente com o goleiro, cabeceou por cima do gol.

REAÇÃO DOS BLUES

O francês Badiashile iniciou a reação do Chelsea aos 37 minutos do segundo tempo. Em cobrança perfeita de Ziyech, o francês chegou sozinho e pronto para finalizar para o gol. O goleiro tentou a defesa, mas não foi suficiente para impedir o gol.

GOL DA VITÓRIA

O Chelsea organizou as jogadas no final da partida e foi efetivo. Aos 40 minutos, em longa troca de passes no meio-campo, Sterling arrancou pela ponta esquerda, invadiu a área e serviu o português João Félix, que havia acabado de entrar, para marcar o terceiro.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.