Futebol Após goleada do São Paulo, auxiliar do Botafogo elogia 'consistência defensiva' no segundo tempo

Após goleada do São Paulo, auxiliar do Botafogo elogia 'consistência defensiva' no segundo tempo

Felipe Lucena afirmou que Alvinegro se ajeitou após o intervalo no Morumbi e destacou chances para balançar as redes de Tiago Volpi

Lance
Lance

Lance

Lance

O São Paulo derrotou o Botafogo por 4 a 0 nesta quarta-feira, em partida adiada da 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mesmo assim, Felipe Lucena, auxiliar de Eduardo Barroca - diagnosticado com Covid-19 -, tentou ver uma "luz no fim do túnel" e valorizou o segundo tempo do Alvnegro em entrevista coletiva.

– O São Paulo foi predominante no primeiro tempo, trabalhou no nosso campo e conseguiu fazer os gols para vencer a partida. Conseguimos ajustar no intervalo, ter consistência defensiva para sair em contra-ataque e tivemos até algumas chances, mas não conseguimos. Consigo dividir o jogo em duas partes: o primeiro tempo todo, incluindo a expulsão, e a nossa organização no segundo (tempo) – analisou.

Keisuke Honda passou a partida no banco. Barrado, o japonês não foi envolvido nos 90 minutos. Felipe Lucena explicou que conta com o japonês e essa foi uma estratégia pensada para este duelo.

– Não vou individualizar escolhas. Conversamos durante a semana com o Barroca e toda a comissão técnica. Era uma estratégia para essa partida, mas contamos com ele, assim como todos são importantes para a gente – afirmou.

Últimas