Futebol Após exclusão de torneios da Uefa, clubes russos entram com ação no Tribunal Arbitral do Esporte

Após exclusão de torneios da Uefa, clubes russos entram com ação no Tribunal Arbitral do Esporte

Zenit, Sochi, Dínamo e CSKA se unem para tentar reverter decisão da entidade, que puniu clubes por conta da guerra na Ucrânia

Lance
Zenit, clube dos brasileiros Yuri Alberto, Malcom e Claudinho, foi um dos afetados por decisão da Uefa

Zenit, clube dos brasileiros Yuri Alberto, Malcom e Claudinho, foi um dos afetados por decisão da Uefa

Lance

Quatro clubes russos entraram com uma apelação no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) para tentar reverter a decisão da Uefa de excluir equipes do país de competições europeias em virtude da guerra militar na Ucrânia. Na última sexta-feira (13), Zenit, Sochi, Dínamo de Moscou e CSKA Moscou se uniram visando a próxima temporada.

Os quatro times citados ocupam, respectivamente, as quatro primeiras colocações da Premier League Russa e iriam para Champions League, Europa League e Conference League em condições normais. A punição da Uefa, entretanto, que se estende também às seleções russas, impede a participação nos torneios.

Em nota, os clubes pediram que o TAS julgue a decisão rapidamente, visto que o sorteio da primeira fase da Champions League acontece no dia 7 de junho. Em caso de derrota no tribunal, os clubes seguirão impedidos de jogar as competições europeias.

A Federação Russa de Futebol (RFU) afirmou em março que estuda a possibilidade de se unir à Confederação Asiática de Futebol (AFC) e deixar a Uefa. Se isso realmente ocorrer, a seleção russa disputará as Eliminatórias Asiáticas para a Copa do Mundo, bem como os clubes do país jogarão a Champions League da Ásia.

Brasileirão já tem mais erros do VAR do que rodadas disputadas

Últimas