Futebol Após dois meses, Santos volta a sofrer gol em lance de bola parada

Após dois meses, Santos volta a sofrer gol em lance de bola parada

Peixe só havia sofrido gol de bola parada na estreia no Brasileiro diante do Bahia

Lance
Lance

Lance

Lance

O Santos voltou a sofrer gol de bola parada na derrota para o Palmeiras por 3 a 2, no Allianz Parque, pela 11ª rodada do Brasileirão. Problema crônico do Peixe na temporada, a bola aérea havia sido corrigida pelo técnico Fernando Diniz e a equipe não sofria em bola parada desde a estreia da competição para o Bahia.

Desde a estreia, o Santos sofreu gol diante do Ceará (1 de pênalti), Fluminense (apóz cruzamento e falha da defesa), Grêmio (2, um em cruzamento e outro em erro na saída de bola), América-MG (um de cruzamento e outro contra-ataque) e Athletico-PR (cruzamento pelo chão).

Na era Diniz, o Alvinegro chegou a mostrar uma evolução defensiva após a entrada do goleiro John e do zagueiro Luiz Felipe na equipe titular. John se lesionou diante o São Paulo e ainda não voltou a meta santista, mas no clássico deste sábado o Santos teve uma zaga inédita sem Luiz Felipe, que cumpriu suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

Diante o Red Bull Bragantino na próxima rodada do Brasileiro, o Peixe terá o retorno de Luiz Felipe, mas o meia Jean Mota cumprirá suspensão. Com dezesseis jogos no comando do Santos, o técnico Fernando Diniz tem 7 vitórias, 6 derrotas e 3 empates somando 19 gols marcados e 18 sofridos. Um aproveitamento de 50%.

Últimas