Futebol Após comentário de Aguero, jornal revive 'rusga' com Sampaoli

Após comentário de Aguero, jornal revive 'rusga' com Sampaoli

Marca relembrou que, na zona mista da derrota contra a Croácia durante a Copa de 2018 e depois do Mundial, Aguero "alfinetou" o ex-técnico da Albiceleste

Lance
Lance

Lance

Lance

No fim de semana, o atacante argentino Sergio Aguero acabou chamando a atenção para si depois de um comentário digno de polêmica pedindo um exame antidoping para Jorge Sampaoli na vitória da Argentina sobre a Nigéria pela Copa do Mundo de 2018.

Com esse "gancho", o diário espanhol Marca trouxe à tona declarações ainda em 2018 de Aguero em relação ao ex-técnico da Albiceleste que poderiam justificar um tom mais ácido do que bem-humorado nos dizeres do atacante do Manchester City.

Logo depois da derrota por 3 a 0 diante da Croácia também no Mundial de 2018 na Rússia, o Kun teria deixado clara a sua insatisfação por ter sido substituído por Gonzalo Higuaín aos nove minutos do segundo tempo.

- Que ele diga o que quiser - se limitou a falar o avante.

Em outra oportunidade, entrevistado pela emissora de TV Fox Sports, Aguero assegurou que jamais voltou a ter qualquer tipo de contato com Sampaoli e agregou que o clima não era bom:

- Não voltei a falar com ele. Não tinha um bom ambiente na concentração e, quando disse o que disse, não joguei mais, me prejudicou.

De fato, os números mostram que, após o embate contra a Croácia na Copa, Kun Aguero só voltou a ser utilizado por Jorge Sampaoli saindo do banco de reservas. Ele entrou por 10 minutos da vitória sobre a Nigéria no lugar do lateral-esquerdo Nicolás Tagliafico e em 24 minutos do revés por 4 a 3 que eliminou a Albiceleste diante da França nas oitavas de final substituindo Enzo Pérez.

Últimas