Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Aos 38 anos, Cristiano Ronaldo celebra gol em partida número 200 com a camisa de Portugal e planeja ampliar marca pessoal

Camisa 7 garantiu a vitória dos portugueses nos minutos finais da partida das Eliminatórias da Euro

Futebol|Do R7


Lance
Cristiano Ronaldo marcou gol da vitória de Portugal sobre a Islândia (HALLDOR KOLBEINS / AFP)

Portugal venceu a Islândia na tarde desta terça-feira (20) por 1 a 0 com um sabor especial. Pela quarta rodada das Eliminatórias da Euro, a partida marcou a de número 200 de Cristiano Ronaldo com a camisa lusitana. Aos 38 anos, o craque continua decidindo, e o gol da vitória foi marcado pelo camisa 7 no final da partida. Após a partida, o atacante celebrou a conquista pessoal em entrevista à RTP e mirou os próximos feitos.

- Muita felicidade, não só pela marca única. Importante é a reação, acreditamos até ao fim. Ganhamos qualificações com estes jogos. Mas não posso deixar de frisar, seria hipocrisia, que é bom marcar o gol neste dia especial.

+ Ancelotti fecha acordo com a CBF: veja técnicos com mais títulos da Champions

- Vou desfrutar do momento, destes 200, com os meus companheiros, com a minha família e amigos. É uma marca que quero continuar a ampliar: 200, 201, 202 e também nos gols, se for possível. Agradeço ao Gonçalo Inácio pelo passe que me fez e estou muito feliz pelos meus 200 jogos e pelo gol - completou.

Publicidade

A seleção portuguesa lidera o grupo J com 12 pontos, mas tem a Eslováquia na cola, na segunda colocação, com 10 pontos. Na próxima rodada, ambas as equipes vão se enfrentar. A partida contra a Islândia marcou um futebol abaixo do que Portugal vinha apresentando nas últimas partidas, com goleadas. Cristiano Ronaldo reconheceu a dificuldade desta tarde e comentou sobre as duras faltas na partida.

- Não foi boa, mas não podemos jogar sempre como queremos. A Islândia jogou sempre com bloco muito baixo. Foi um jogo com muita porrada, creio que 12/13 faltas no primeiro tempo. As qualificações se ganham com estes jogos, de luta. Hoje foi na luta, na guerra e sofrimento.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.