Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

António Oliveira não joga a toalha por vaga do Corinthians no mata-mata do Paulistão

Timão está em situação complicada para avançar ao mata-mata do Paulistão

Futebol|

Corinthians precisa vencer e torcer por tropeços de adversários
Corinthians precisa vencer e torcer por tropeços de adversários Corinthians precisa vencer e torcer por tropeços de adversários (Lance)

O Corinthians está quatro pontos atrás da Inter de Limeira no Grupo C do Paulistão e não depende mais de si para avançar ao mata-mata do Paulistão. Mesmo após a derrota contra a Ponte Preta, o técnico António Oliveira não jogou a toalha na competição.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

- Estamos contra o tempo, mas jamais desistiremos e no final fazemos as contas. Foi por culpa dos jogadores que alimentaram o sonho da classificação. O futebol é fértil, muda-se rapidamente da frustração para a euforia. Não vamos desistir e seguiremos o trabalho. Precisamos crescer individualmente e coletivamente. O rendimento dos jogadores me deixa satisfeito e com uma enorme confiança para o futuro - declarou o treinador após a derrota em Itaquera.

O Corinthians empilhou chances e dominou a posse de bola contra a Ponte Preta, mas não foi eficaz nas finalizações. António Oliveira lamentou o resultado na Neo Química, mas elogiou a entrega dos jogadores em campo.

- Há dias que poderíamos ficar o dia todo aqui que dificilmente iríamos marcar. Estamos tristes pela derrota. Dei os parabéns aos jogadores não pelo resultado, e sim pela entrega. Eles se entregaram de corpo e alma. A sequência de jogos tem sido dura - declarou.

➡️ Veja os grupos e datas dos confrontos no Paulistão

O próximo compromisso do Corinthians é no sábado (2), contra o Santo André, na Neo Química Arena, pela penúltima rodada da fase de grupos do Paulistão, às 16h.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.