Futebol Análise: Mancini tenta deixar Corinthians mais 'intenso' e 'aguerrido'

Análise: Mancini tenta deixar Corinthians mais 'intenso' e 'aguerrido'

Treinador busca mudar a característica da equipe e deixou novamente Luan no banco de reservas, mesmo com diversos desfalques de última hora

Lance
Lance

Lance

Lance

O técnico Vagner Mancini tem o objetivo de deixar o Corinthians mais "intenso" e "aguerrido", adjetivos que ele usou em sua entrevista coletiva após o empate por 2 a 2 com o Palmeiras. Até por isso Luan não foi titular mesmo com diversos desfalques.

>> Confira a tabela do Paulistão e simule os próximos jogos

Para Mancini, por exemplo, o volante Roni foi o melhor jogador do Corinthians no Dérbi. Ele desbancou Xavier e atuou como segundo homem de meio de campo, enquanto Cantillo ficou mais recuado para iniciar as jogadas. Ramiro e Camacho, opções para o setor, eram desfalques.

- A opção pelo Roni foi para ter um jogador aguerrido, que conseguisse fazer exatamente o que ele fez na partida, acho que ele foi nsso melhor jogador em campo, consegue bater lá na frente e voltar a ser o segundo homem de meio de campo - afirmou Mancini.

Para ter um time mais "intenso", Mancini conta com diversos jovens. O atacante Rodrigo Varanda foi titular de novo, desta vez junto de Jô, e marcou seu primeiro gol pelo profissional do Corinthians. Outros garotos vão agregar no processo de mudança de característica da equipe em campo.

- É importante que eles entendam que o processo é mais rápido para uns e mais demorados para outros. Todos estão com uma gana muito grande. Em outras partidas vamos ver mais garotos. Como era um clássico, tinha que dar uma mesclada. A ideia é ter um time intenso em campo - projetou Mancini.

Outro jogador importante para o objetivo de Mancini é Mateus Vital, que vem evoluindo com o treinador. Foi o mais decisivo para o empate no clássico, com gol e a assistência para Rodrigo Varanda marcar o segundo.

Para o próximo jogo, contra a Ponte Preta, no domingo, Mancini novamente terá ao menos oito desfalques em razão do coronavírus. A lista pode aumentar caso Camacho, que apresentou febre, tenha exame positivo. Pelo que o treinador projetou, a tendência é de que o Corinthians tenha ainda mais jovens para ser intenso e aguerrido na partida da terceira rodada do Paulistão.

Últimas