Futebol Análise: Fluminense mostra volume de jogo e não vence Vasco por detalhe no Maracanã

Análise: Fluminense mostra volume de jogo e não vence Vasco por detalhe no Maracanã

Time de Fernando Diniz começou atrás no placar, conseguiu empatar com Lima e chegou perto da virada no final do segundo tempo

Lance

O empate no clássico entre Fluminense e Vasco teve um gosto amargo. Apesar da falha infantil cometida por Fábio no primeiro minuto de jogo, os jogadores tricolores mostraram muito volume e intensidade dentro de campo, principalmente no segundo tempo.

O Time de Guerreiros, mesmo atrás do placar ao longo da maior parte da partida, teve tranquilidade para criar as chances de perigo e marcar um belo gol. Até depois do empate, os comandados de Fernando Diniz continuaram pressionando e quase chegaram na virada com Marcelo, Ganso e Nino.

+ ATUAÇÕES: Diniz faz mágica no intervalo, e muda a cara do Fluminense no empate contra o Vasco pelo Brasileirão

+ Fernando Diniz elogia atuação do Fluminense após empate com o Vasco no Maracanã: ‘Merecíamos fazer mais gols’

Fernando Diniz, mais uma vez, mostrou maturidade para corrigir os erros e realizar modificações táticas. O Fluminense que voltou ao campo no segundo tempo é muito diferente daquele que começou jogando. Um outro ponto positivo é que os jogadores tricolores mostraram novamente muito volume de jogo e intensidade em campo, mesmo vindo de uma goleada histórica diante do River Plate pela Libertadores.

Em uma temporada longa, é importante que um elenco tenha boas condições físicas para chegar longe nas competições. O Time de Guerreiros terá uma maratona incessante de jogos pela frente e precisará lidar com este calendário corrido para encerrar 2023 da forma que os torcedores esperam.

Últimas