Futebol Análise: Atuação de gala mostra um Botafogo com maturidade para almejar vaga na Libertadores

Análise: Atuação de gala mostra um Botafogo com maturidade para almejar vaga na Libertadores

Alvinegro envolve o Santos, faz 3 a 0 e deixa uma impressão alegre em seu último jogo como mandante no Brasileirão

Lance
Lance

Lance

Lance

A chama de esperança na classificação do Botafogo para a Libertadores de 2023 ficou ainda mais forte na noite da última quinta-feira (10). A vitória por 3 a 0 sobre o Santos pode ser um combustível para esta reta final. Em seu último jogo no Nilton Santos neste Brasileirão, o Alvinegro aprimorou a qualidade seu futebol e conseguiu, enfim, chegar ao G8 do Brasileirão.

Depois de tantas oscilações (e decepções) em partidas como mandante, a equipe de Luís Castro mostrou dedicação de sobra no Nilton Santos. Seu meio de campo não deu brechas para que o Santos avançasse e foi firme na defesa. E, em nenhum momento, os botafoguenses hesitaram na busca pelos gols.

Contou com a noite de gala de Lucas Fernandes, os dribles de Jeffinho e a dedicação de Tiquinho Soares para se desdobrar ofensivamente e se sobrepor à defesa santista. Até que o 3 a 0 (placar que foi barato) foi construído com direito a "olé".

De fato, a grande atuação não traz de volta os pontos perdidos em casa no Brasileirão. Em 19 partidas, esta foi apenas a sexta vitória no Nilton Santos, contra quatro empates e nove derrotas (aproveitamento de 38,6%). Contudo, o último jogo no estádio em 2022 deixou ótimas impressões.

+ ATUAÇÕES: Lucas Fernandes e Tiquinho Soares comandam vitória do Botafogo no Nilton Santos


O Botafogo ganhou a "casca" para a competição e hoje tem maturidade para encarar um grande desafio no ano. Além disto, está em sintonia fina com as ideias propostas por Luís Castro.


A equipe também reúne condições de conseguir válvulas de escape e de batalhar diante de adversários que são competitivos, como é o caso do Athletico-PR. Um cenário que traz muita fé para a reta final.

- Vamos chegar fortes, como o Athletico-PR vai chegar forte. Em uma final não há favoritos. Vamos disputar de peito aberto, em uma final pode acontecer tudo - afirmou o técnico Luís Castro.

A torcida alvinegra pulsa de expectativa.

Últimas