Futebol Alvo do exterior, Everton Ribeiro quer seguir 'sonhando' por muito tempo: 'É muito bom ser Flamengo'

Alvo do exterior, Everton Ribeiro quer seguir 'sonhando' por muito tempo: 'É muito bom ser Flamengo'

Nas últimas janelas de transferências, o camisa 7 foi sondado e o clube recusou ofertas por Everton Ribeiro, que deseja seguir conquistando mais e mais títulos pelo Flamengo

Lance
Lance

Lance

Lance

O sucesso no futebol brasileiro, invariavelmente, vai despertar o interesse de clubes do exterior. Não é diferente no caso de Everton Ribeiro, um dos principais nomes do Flamengo nas últimas temporadas. Apesar de estar no radar de clubes do exterior e receber ofertas para deixar o clube nas últimas janelas, o camisa 7 garante que quer seguir "sonhando" pelos próximos anos.

- Estou muito feliz aqui, como falei, vivendo marcas que nunca sonhei. Vou continuar fazendo o meu melhor aqui, jogo a jogo, vencendo. É muito bom ser Flamengo, jogar no Flamengo. Espero que a gente continue bastante tempo juntos - afirmou Everton Ribeiro, de 32 anos, em entrevista exclusiva ao LANCE!.

Everton Ribeiro e os troféus pelo Flamengo - Títulos

Everton Ribeiro e os troféus pelo Flamengo - Títulos

Lance

Everton Ribeiro e sua coleção de troféus (Foto: Alexandre Vidal/CRF)

Com nove troféus conquistados desde 2017 e diversas marcas expressivas - se tornará o terceiro atleta com mais jogos com o Manto pela Libertadores nesta quarta-feira -, Everton Ribeiro já está com o nome gravado na história do clube.

Ídolo da Nação, o meia tem contrato com o Flamengo até dezembro de 2023.

Em janeiro deste ano, o Al Nasr, dos Emirados Árabes, entrou em contato com a diretoria da Gávea e demonstrou interesse no jogador, mas não fez uma oferta que atendesse às pretensões do clube. Antes em julho de 2020, outros times do país haviam procurado o Flamengo, mas também não houve acordo.

Totalmente adaptado ao Rio de Janeiro e ambientado ao Flamengo, Everton Ribeiro vê a permanência no Rubro-Negro como um trunfo para conquistar uma vaga entre os convocados de Tite para a Copa do Mundo de 2022, em Qatar. Como o próprio camisa 7 afirmou ao LANCE!, a sequência na Seleção Brasileira passa pelo bom desempenho em campo vestindo o Manto Sagrado.

Últimas