Agente de Cavani diz que jogador não se importou com questões financeiras

Uruguaio teria chance de ir para o futebol inglês - Chelsea ou United-, mas deu preferência ao Atlético de Madrid durante as negociações. Atacante do Chelsea lamentou


Uma das opções de saída para Edinson Cavani nesta janela de transferências de janeiro era o Chelsea. O clube inglês teria como pagar os 20 milhões de euros (R$ 94,5 milhões de reais) que os franceses exigiram para o Atlético de Madrid. No entanto, o desejo do uruguaio foi mais forte e a questão financeira não foi um peso durante as negociações.

Dentre os jogadores que ficaram chateados com a não saída de Cavani está Tammy Abraham, atacante titular do Chelsea, gostaria de contar com a experiência do uruguaio nos Blues.

- Teria sido muito bom se ele viesse, pois jogadores como Cavani são de primeira classe do futebol. Ele poderia ser um jogador com quem eu aprenderia e roubaria suas ideias para juntar às minhas. Não aconteceu e agora tenho que reivindicar minha posição e mostrar o melhor que eu posso.

O agente e irmão de Edinson Cavani explicou a situação do jogador do Paris Saint-Germain nesta janela de transferências, mas que os espanhóis não tinham condições de cobrir a demanda dos franceses.

- O mais importante foi o que Cavani fez para sair. Se fosse apenas questão financeira, ele teria ido parar na Inglaterra, no Chelsea ou Manchester United. O Atlético não poderia bancar o que foi pedido e o PSG não diminuiu sua demanda. Não houve acordo.

Edinson Cavani tem contrato com o PSG até o meio do ano e estará livre para negociar com qualquer clube sem custos para a próxima temporada. O maior artilheiro da história do clube francês estará com 33 anos, mas segue sendo monitorado por grandes clubes da Europa.