Futebol Abre o olho, Mancini! Pressionado, treinador encara 'exterminador de técnicos do Corinthians'

Abre o olho, Mancini! Pressionado, treinador encara 'exterminador de técnicos do Corinthians'

Timão enfrenta o São Paulo, neste domingo (2), pelo Paulistão. Em 90 anos de Majestoso, comandantes corintianos caíram 15 vezes após derrotas para o Tricolor

Lance
Lance

Lance

Lance

O técnico Vagner Mancini está pressionado no Corinthians. E para treinadores nesta situação, jogar contra o São Paulo, adversário deste domingo (2), às 22h15, na Neo Química Arena, pela décima rodada do Campeonato Paulista, não é um bom presságio.Isso, porque o Tricolor é especialista em derrubar treinadores corintianos.

Se o primeiro Majestoso foi disputado em 25 de maio de 1930, 14 anos depois o time do Morumbi já havia sido o pivô da primeira demissão do técnico rival. Na ocasião, Joseph Tiger foi dispensado após ter sido goleado por 4 a 0, no estádio do Pacaembu, pelo Paulistão de 1944.

De lá para cá, outros 13 treinadores foram vitimados por reveses contra o São Paulo – sendo que Dino Sani caiu duas vezes, após perder para o Tricolor em 1970 e 1975.

No entanto, a última demissão de técnico corintiano após perder para o time são paulino, já faz quase 15 anos, e ocorreu em maio de 2006, quando Ademar Braga, que havia sido efetivado pouco mais de um mês antes, após a demissão de Antônio Lopes, que também tinha caído por um revés contra o rival do Morumbi, em março daquele ano, foi comunicado pela diretoria do Timão que o clube procuraria outro treinador para assumir após a pausa do futebol brasileiro para a Copa do Mundo, que na ocasião foi sediada na Alemanha.

A missão de Vagner Mancini, portanto, é fazer o tabu debutar. Para isso, é fundamental que outro seja mantido: a do Corinthians, em 13 jogos, nunca ter perdido para o São Paulo, na Neo Química Arena.

Caso o Tricolor vença pela primeira vez no estádio corintiano, as chances de demissão do atual técnico aumentam, já que ele vive grande pressão.

Ainda que se diga respaldado pela diretoria, a demissão de Mancini foi pedida oficialmente pela principal torcida uniformizada do Timão, a “Gaviões da Fiel”, em nota, há duas semanas. Já neste sábado (1), véspera do Majestoso, outra organizada corintiana, a “Camisa 12” protestou em frente ao CT Joaquim Grava, durante o treinamento. Entre os nomes expostos em cruzes, estava o do técnico.

Mesmo líder do seu grupo no Campeonato Paulista, terceiro colocado na classificação geral e classificado às quartas de final da competição, com duas rodadas de antecedência, o desempenho do Corinthians tem gerado críticas até mesmo do treinador, que expôs o seu descontentamento após alguns jogos. Somado a isso, o clube não venceu as suas duas partidas na Copa Sul-Americana, com um empate sem gols, fora de casa, contra o River Plate (PAR), lanterna do campeonato paraguaio, na estreia, e derrota por 2 a 0 para o Peñarol (URU), na Neo Química Arena, na última quinta-feira (29), pela segunda rodada do grupo E, o que deixou o Timão em péssima situação na chave, que classifica apenas uma equipe.

>> Confira a tabela do Campeonato Paulista e simule os próximos jogos!

Segue a lista de todos os técnicos do Corinthians que foram demitidos após derrotas para o São Paulo e os jogos em questão:

1944 – Joseph Tiger

15/10/1944 – Corinthians 0 x 4 São Paulo – Campeonato Paulista – Pacaembu, Sâo Paulo (SP)

1946 – Alcides Aguiar

01/01/1946 – São Paulo 5 x 1 Corinthians – Amistoso – Pacaembu, São Paulo (SP)

1954 – Rato

03/07/1954 – Corinthians 0 x 1 São Paulo – Rio/São Paulo – Pacaembu, São Paulo (SP)

1957 – Osvaldo Brandão

29/12/1957 – São Paulo 3 x 1 Corinthians – 37ª rodada do Paulistão – Pacaembu, São Paulo (SP) – Jogo que definiu o título paulista ao São Paulo

1961 – João Lima

24/05/1961 – Corinthians 2 x 3 São Paulo – Amistoso – Pacaembu, São Paulo (SP)

1970 – Dino Sani

13/09/1970 – São Paulo 1 x 0 Corinthians – 18ª rodada do Paulistão – Morumbi, São Paulo (SP)

1975 – Dino Sani

10/08/1975 – São Paulo 2 x 1 Corinthians – 33ª rodada do Paulistão – Morumbi, São Paulo (SP)

1981 – Julinho

25/10/1981 – São Paulo 2 x 0 Corinthians – Fase Final (2º turno) do Campeonato Paulista – Morumbi, São Paulo (SP)

1991 – Cilinho

15/12/1991 – São Paulo 0 x 0 Corinthians – Final do Campeonato Paulista (jogo de volta) – Morumbi, São Paulo (SP) – Jogo que definiu o título paulista ao São Paulo

2003 – Júnior

12/10/2003 – São Paulo 3 x 0 Corinthians – 36ª rodada do Brasileirão – Morumbi, São Paulo (SP)

2004 – Juninho Fonseca

15/02/2004 – São Paulo 1 x 0 Corinthians – 5ª rodada do Campeonato Paulista – Morumbi, São Paulo (SP)

2005 – Tite

27/02/2005 – São Paulo 1 x 0 Corinthians – 10ª rodada do Paulistão – Morumbi, São Paulo (SP)

2005 – Daniel Passarella

08/05/2006 – Corinthians 1 x 5 São Paulo – 3ª rodada do Brasileirão – Pacaembu, São Paulo (SP)

2006 – Antônio Lopes

12/03/2006 - São Paulo 2 x 1 Corinthians – 14ª rodada do Paulistão – Morumbi, São Paulo (SP)

2006 – Ademar Braga

07/05/2006 – Corinthians 1 x 3 São Paulo – 4ª rodada do Brasileirão – Benedito Teixeira, São José do Rio Preto (SP)

Últimas