Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Fórmula 1: Sainz tenta, mas Verstappen quebra recorde de 10 vitórias seguidas em Monza

O espanhol foi líder da prova por 15 voltas, porém, o Leão Holandês foi mais forte e voltou ao seu lugar de dominância;...

Lance|

Lance
Lance Lance

A corrida de Monza, a mais aguardada pelos torcedores da Ferrari, foi realizada na manhã deste domingo (03). Mesmo com as 15 voltas sendo lideradas por Carlos Sainz, Max Verstappen venceu mais uma corrida, quebrando o recorde de Sebastian Vettel e triunfando 10 vezes seguidas. O espanhol do time da casa e Sergio Pérez fecharam o Top 3.

Na volta de apresentação, Yuki Tsunoda parou na grama, devido aos problemas no carro e abandonou a corrida, com isso, tivemos uma nova formação. No entanto, a largada demorou para ser iniciada, pois o carro da Alpha Tauri ainda estava em local de perigo para os pilotos.

+Vini Jr é atração no GP de Monza e posa para fotos com Lewis Hamilton e Pierre Gasly

+Fórmula 1: confira a classificação atualizada do campeonato de 2023

Publicidade

Após 20 minutos, o tão aguardado início de prova aconteceu. Os pilotos iniciaram com pneus médios e duros. Sainz largou bem, Verstappen veio em seguida, na sua cola e Charles Leclerc duelou a sua terceira posição contra George Russell.

Na sexta volta, o espanhol e o holandês duelaram a ponto de se tocar, mas o piloto da Ferrari não se abalou e defendeu posição. No entanto, Max não desistiu e continuou a perseguir Sainz. No entanto, pela velocidade da equipe da casa nas retas - algo que era aliado da RedBull - o bicampeão não alcançava o número 55.

Publicidade

+Qual é o estado de saúde de Michael Schumacher, ex-piloto de Fórmula 1?

Enquanto isso, Russell e Pérez estavam duelando pelo quarto lugar. O britânico defendia a posição a todo momento, não deixando o mexicano - que tinha um carro superior - alcançar o seu objetivo.

Publicidade

Na volta 15, após batalharem bastante pela primeira posição, Verstappen pegou o lugar de Sainz e se tornou o líder da prova. George também perdeu sua colocação para Sergio, que ocoupou o quarto lugar.

Após Leclerc e Sainz irem aos boxes, ambas ferraris caíram de posição, mesmo que o dono do carro 16 tenha feito um bom pitstop.A RBR também não decepcionou na parada de Max. Em seguida, Russell levou uma penalidade de cinco segundos após ganhar vantagem indevida por fora da pista.

Publicidade

Faltando 21 voltas para o fim, Leclerc e Pérez duelaram pelo terceiro lugar, mas o monegasco se manteve no mesmo lugar, mesmo tocando pneu com o mexicano, defendeu posição. Oscar Piastri, Lando Norris e Alexander Albon disputavam pela sexta posição.

Chegando ao final da prova, Lewis Hamilton e o australiano da McLaren batalhavam pela oitava posição, ao ponto de ambos saírem da pista e o dono do número 81 ter que ir aos boxes trocar a asa dianteira. Sainz e Checo brigaram pela segunda posição e o 11 da RBR levou a melhor depois de uma boa manobra.

+Saiba os recordes de Michael Schumacher na Fórmula 1 que Verstappen pode bater durante a temporada

Faltando cinco voltas para o fim, Leclerc e o 55 da Ferrari disputaram pela terceira posição. O espanhol aproveitou o erro do colega de equipe e pegou sua colocação.

Enquanto o circo pegava fogo entre as Ferraris, Verstappen ficou tranquilo sendo líder da prova e em nenhum momento foi ameaçado. O holandês venceu mais uma corrida e quebrou recorde. É a 12° triunfo na temporada e o segundo em Monza.

A Fórmula 1 irá dar uma pausa e voltará as pistas em Singapura, entre os dias 15 e 17 de setembro.

Veja o resultado da corrida em Monza

Confira a classificação abaixo

+ Cupom LANCEFUT com 10% OFF para os fanáticos por esporte em compras acima de R$299,90

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.