Lance Fora de casa, CRB vence o Sergipe pela Copa do Nordeste

Fora de casa, CRB vence o Sergipe pela Copa do Nordeste

Com  a vitória, o Galo assumiu a segunda posição do Grupo B, enquanto o Mais Querido segura a lanterna do Grupo A

Lance

Pela 6ª rodada da Copa do Nordeste, no estádio Bastistão, em Aracaju, o CRB venceu o Sergipe fora de casa pelo placar de 2 a 1. O time alagoano abriu o marcador com Anselmo Ramon, logo aos 11 minutos. Aos 31, Mateus Silva igualou o placar e deu uma esperança para torcida do Mais Querido. Só que ainda no primeiro tempo, Richard marcou um belo gol e garantiu a vitória para o CRB. Com o resultado, o Galo assumiu a 2ª posição, com 11 pontos no Grupo B. Já o Mais Querido segura a lanterna do Grupo A, com apenas 1 ponto.

Na próxima rodada, o Sergipe visita o Náutico, no estádio dos Aflitos, em Recife. Já o CRB recebe o Sampaio Corrêa, no Rei Pelé, em Maceió. Ambas as partidas serão disputadas dia 06 de março, domingo.

O jogo
PRIMEIRO TEMPO
ANTES DOS 15, CRB ABRE O PLACAR
Logo no primeiro minuto de partida o Sergipe poderia ter aberto o marcador, mas quem fez o gol foi o CRB. Aos 11 minutos, quando Anselmo Ramon aproveitou a bola que sobrou na área e colocou para dentro: 1 a 0.

SERGIPE EMPATA O JOGO
Após o gol do Galo, poucas chances perigosas foram criadas. Mas quando O Mais Querido teve a oportunidade, a bola entrou. Aos 31 minutos, Hiago alçou a bola na área, Mateus Silva nem precisou de muito trabalha para igualar o placar: 1 a 1.

CRB FAZ O SEGUNDO E QUASE MARCOU O TERCEIRO
O gol fez o CRB acordar na partida. O time alagoano vai para cima, cria oportunidades e volta à frente do placar. Após lançamento, Richard emendou um lindíssimo chute para estufar as redes da equipe do Sergipe: 2 a 1.

E três minutos depois poderia ter saído o terceiro. Diego Torres teve uma oportunidade de ouro para fazer, mas o jogador ao tentar a cavada não conseguiu fazer com que a bola entrasse para ampliar o marcador.

SEGUNDO TEMPO
VINTE MINUTOS DE POUCO PERIGO E RECLAMAÇÃO DO CRB
Os 20 minutos inicias da etapa complementar foram de pouquíssimo perigo. As duas equipes tinham dificuldade para atacar. A única jogada de relevância neste intervalo de tempo aconteceu aos 17 minutos, quando Anselmo Ramon caiu na área e o CRB reclamou uma penalidade máxima, que o árbitro não deu.

PARTIDA CONTINUA TRUNCADA
Os dois treinadores começaram a mexer nos times, porém nada mudou do ponto de vista de oportunidade de gol. As duas equipes continuavam com dificuldade para criar lances agudos e poucos lances relevantes aconteciam no estádio Batistão.

SERGIPE TENTOU EMPATAR NO ABAFA, MAS CRB GARANTE A VITÓRIA
No fim do jogo, o Sergipe partiu para cima em busca do gol de empate. O Mais Querido lutou muito e tentou na base do abafa, mas o CRB segurou o ímpeto do adversário e garantiu os três pontos. Entretanto, nem tudo são flores para a equipe alagoana. O atacante Anselmo Ramon acabou sendo expulso.

Últimas