Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Fora de casa, Bragantino goleia Fortaleza e entra no G6 do Brasileirão

Resultado na Arena Castelão fez o Massa Bruta subir duas posições

Lance

Lance|Do R7

Lance
Lance Luan Cândido fez o primeiro do Braga na Arena Castelão (Ari Ferreira/Red Bull Bragantino)

Na noite deste sábado (29), o Bragantino visitou o Fortaleza, na Arena Castelão, pelo Campeonato Brasileiro, e conseguiu uma importante vitória pelo placar de 3 a 0. Graças ao placar em questão, o time da cidade de Bragança Paulista chegou aos 28 pontos, ascendendo para a sexta posição, enquanto o Leão do Pici é o 11° colocado, com 23.

>Olho no Brasileirão! Assine o Prime Video e acompanhe todos os jogos do seu time do coração!

BOM USO DA BOLA PARADA

Apesar das duas equipes possuírem características que primam pela posse de bola bem como o estabelecimento de volume de jogo, a partida não se traduziu em confronto que proporcionava muitas oportunidades de gol, pelo contrário. Isso porque a movimentação das duas equipes parecia bem coordenada, mas o passe no último terço apresentava problemas e, quando chegava ao momento da finalização, tanto João Ricardo como Cleiton tinham pouco trabalho. Desta forma, o ponto diferencial para que o placar em solo cearense fosse movimentado acabou sendo a boa utilização do jogo aéreo. Em cobrança de falta bem batida no lado direito do ataque do Massa Bruta por Lucas Evangelista, Luan Cândido fugiu da marcação e testou sozinho, no contrapé de João Ricardo, estufando as redes dos anfitriões.

Publicidade

CORTE EXTREMAMENTE PROVIDENCIAL

Antes do término da etapa inicial, o Tricolor melhorou no caráter de produtividade, mas seguia com sérios problemas de converter essas oportunidades em chutes com perigo real para Cleiton. Na melhor delas, um lançamento encontrou Marinho saindo em condição legal e partindo em disparada para ficar frente a frente com o arqueiro do Bragantino. Porém, em cenário de recuperação louvável, Juninho Capixaba deu carrinho preciso e bloqueou o chute do camisa 15 do Leão do Pici, atrapalhando a principal chance da equipe da casa na primeira parte do confronto.

Publicidade

>Olho no Brasileirão! Assine o Prime Video e acompanhe todos os jogos do seu time do coração!

COM DUAS CHANCES, BRUNINHO CONVERTE

Publicidade

Dedicação certamente não faltou para os dois lados no sentido de melhorar o aproveitamento da etapa inicial. Porém, o problema que apareceu na primeira etapa também ocorreu em boa parte da segunda, na qual a pontaria e os respectivos sistemas defensivos pareciam tomar melhores decisões do que o oposto.

Dentro desse ambiente, quem conseguiu chegar mais perto de mexer novamente no marcador da capital cearense foi o Braga, quando Bruninho viu a defensiva do Fortaleza errar na saída de bola e o camisa 17 ficou em excelentes condições para finalizar. Contudo, João Ricardo foi ainda melhor na saída da meta e bloqueou com o peito, evitando que a vantagem do clube paulista se dilatasse naquele momento. Aos 25 minutos, porém, a chance passou novamente na frente de Bruninho e o mesmo não desperdiçou. Após grande jogada de Juninho Capixaba, na qual Thiago Borbas tocou de cabeça, o avante formado na base do Bragantino encheu o pé e superou João Ricardo. Inicialmente, o tento foi anulado em campo com impedimento sendo apontado, mas a revisão do Árbitro de Vídeo confirmou a validade do gol.

A PÁ DE CAL

Com o oponente basicamente 'entregue' e notoriamente abalado pela partida de rendimento ruim, o Bragantino não apenas administrou o marcador como conseguiu transformá-lo em goleada já nos acréscimos. Depois de jogada na linha de fundo com o cruzamento de Bruninho, Sorriso não pegou em cheio, mas viu o goleiro João Ricardo não ficar em definitivo com a bola e Thiago Borbas, atento, conferiu no rebote para decretar o 3 a 0.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

FORTALEZA 0 x 3 BRAGANTINO - Campeonato Brasileiro - 17ª rodada

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)

Data e horário: 29 de julho de 2023, às 18h30 (horário de Brasília)

Público e renda: 26.124 torcedores - R$ 301.304,00

Árbitro: André Luiz Skettino Policarpo Bento (MG)

Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Celso Luiz da Silva (MG)

VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

Cartões amarelos: Titi e Guilherme (FOR); Gustavinho, Lucas Evangelista e Thiago Borbas (BRA)

Cartões vermelhos:

Gols: Luan Cândido, 22'/1°T (1-0), Bruninho, 25'/2°T (0-2) Thiago Borbas, 46'/2°T (0-3)

FORTALEZA

João Ricardo; Dudu (Lucero, 21'/2°T, Marcelo Benevenuto, Titi e Bruno Pacheco; Caio Alexandre (Yago Pikachu, 16'/2°T), Lucas Sasha e Pochettino; Marinho (Guilherme, 16'/2°T), Thiago Galhardo (Kauan, 34'/2°T) e Calebe (Machuca, 34'/2°T). Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

BRAGANTINO

Cleiton; Léo Ortiz (Luan Patrick, 30'/2°T), Natan e Juninho Capixaba; Matheus Fernandes, Eric Ramires (Gustavinho, 38'/1°T), Luan Cândido (Andrés Hurtado - intervalo) e Lucas Evangelista; Vitinho (Sorriso - intervalo), Eduardo Sasha (Bruninho, 10'/2°T) e Thiago Borbas. Técnico: Pedro Caixinha.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.