Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Fluminense não perde para o Juventude como mandante desde 2005

Como mandante, Tricolor tem larga vantagem contra o adversário

Lance

Lance|Do R7

FOTO DE LUCAS MERÇON / FLUMINENSE FC

Após a boa vitória contra o Alianza Lima pela Libertadores, o Fluminense volta suas atenções para o Brasileirão. Neste sábado (01), o Tricolor encara o Juventude, às 18h30, no Maracanã, e tem um bom trunfo ao seu lado: Não perde para o rival desde 2005 jogando como mandante.

➡️ A boa do Lance! Betting: vamos dobrar seu primeiro depósito, até R$200! Basta abrir sua conta e tá na mão!

Um bom retrospecto do Fluminense

Em 13 jogos disputados com mando do Fluminense na história, são 11 vitórias do Tricolor, um empate e apenas uma derrota, por 2 a 1, em 2005. No último encontro entre as equipes no Maracanã, vitória do Flu por 4 a 0, no Brasileirão de 2022.

Publicidade

Estatisticas de Fluminense e Juventude

Ao todo, Fluminense e Juventude já disputaram 26 jogos entre si, com 12 vitórias do Tricolor, seis empates e oito vitórias do Juventude. O Tricolor marcou 44 gols, enquanto o Jaconeiro balançou as redes em 37 oportunidades.

Publicidade

Campanha na Libertadores impressionou

Com o triunfo sobre o Alianza Lima, o Fluminense encerrou a fase de grupos da Libertadores com 14 pontos conquistados. Essa é a segunda melhor campanha do Tricolor nessa etapa da competição.

Publicidade

A equipe de Fernando Diniz só não conseguiu superar o Time de Guerreiros de 2012, que fez 15 pontos em uma chave com Boca Juniors, Arsenal-ARG e Zamora. Ainda assim, o Time de Guerreiros demonstra força em busca do bi pela Glória Eterna.

Nas oitavas de final, o Fluminense também tem um trunfo para avançar às quartas de final. Em todos os anos em que o Tricolor conquistou a liderança na fase de grupos, a equipe avançou até as quartas de final do torneio.

Na única vez em que foi eliminado nas oitavas de final, o Time de Guerreiros havia avançado de fase na 2ª colocação de sua chave, em 2011. Na ocasião, os cariocas foram eliminados para o Libertad, no Paraguai.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.