Fernando Miguel deseja que Vasco comece a crescer na Sul-Americana

Após mau começo de temporada e eliminação na Taça Guanabara, goleiro cruz-maltino admitiu que competição continental geral expectativa na torcida e nos jogadores do clube

Lance

Lance

Lance

O goleiro Fernando Miguel quer deixar para trás a má impressão deixada pelo Vasco neste começo de temporada. E, para ele, a estreia do time na Copa Sul-Americana, contra o Oriente Petrolero, da Bolívia, nesta quarta-feira, às 21h30, em São Januário, é uma boa oportunidade para começar a crescer em 2020, após a eliminação precoce na Taça Guanabara.

- Vamos fazer bem feito a nossa parte, procurar evoluir. Por mais que a nossa arrancada não tenha sido das melhores, a gente precisa persistir para que comecem a aparecer os resultados, e nada melhor que um jogo grande desses para que a gente comece a crescer dentro da temporada - disse o goleiro cruz-maltino, em entrevista coletiva, nesta terça-feira.

O jogador admitiu que a competição gera uma certa expectativa no torcedor cruz-maltino, e também mostrou conhecimento sobre o adversário desta quarta-feira.

- É uma competição que desde o ano passado gerou grande expectativa no torcedor, no clube e em nós, atletas. Vamos procurar fazer esse pré-jogo já em cima daquilo que temos de informações da equipe boliviana. É uma equipe que investiu, tem um técnico argentino, alguns atletas que chegaram esse ano têm certa relevância dentro do futebol sul-americano.

Perguntado sobre priorizar a Copa Sul-Americana em detrimento de outras competições, Fernando Miguel fez questão de ressaltar que os jogadores do clube devem tratar todos os jogos com a mesma importância.

- Ano passado, quando a gente ganhou a Taça Guanabara, muitos não deram a importância devida, e hoje nos cobram porque a gente não tem ido bem. Quem veste essa camisa precisa estar bem e apto em todas as partidas. Claro que a Sul-Americana gera mais expectativa e parece que desperta mais atenção de todos. Então a gente vai procurar ter equilíbrio, concentração e capacidade de enfrentar as adversidades dentro dos jogos e fazer jogo a jogo a nossa história dentro desse campeonato também - finalizou o goleiro.