Lance Felipão mantém unidade no Cruzeiro mesmo com os jogadores tendo dois meses de salários atrasados

Felipão mantém unidade no Cruzeiro mesmo com os jogadores tendo dois meses de salários atrasados

o treinador consegue manter a mobilização do time na Série B, em busca do acesso, apesar dos contratempos fora de campo, pela falta de pagamento em dia 

Lance
Lance

Lance

Lance

Já são 12 jogos no comando do Cruzeiro e um aproveitamento acima dos 70%. Foram sete vitórias, quatro empates e uma derrota. Esse é o retrospecto de Felipão desde que assumiu a Raposa.

A campanha do treinador, se for analisada, isoladamente, é de desempenho de G4. Mas, além de conseguir dar um padrão de jogo e aglutinar o elenco, Felipão se tornou um poderoso elemento da diretoria da Raposa, que tem sempre no treinador um aliado para evitar que crises se instalem.

O comandante da Raposa deu mostra da sua intenção de fazer do Cruzeiro um projeto de recuperação completa ao comentar sobre os dois meses de salários atrasados do clube. Mesmo com as pendências, o time não se pronunciou publicamente, o que mostra que o técnico tem conseguido manter o elenco unido e focado nos objetivos de campo.

-Na parte financeira eu não tenho agido, mas tenho conversado com o presidente e o que ele está fazendo em termos gerais é fantástico. Aqueles trabalhos, situações que ele está trabalhando, conseguindo reduzir essas dívidas é algo elogiável. Creio que até terça, quarta-feira nós tenhamos alguma coisa em uma situação bem equilibrada para efetuar o pagamento de um mês. Depois teremos uma outra situação mais equilibrada com uma situação que está sendo trabalhada. E, que provavelmente será bem efetivado dentro de 7, 8, 10 dias. Eu quero que meus jogadores se sintam felizes e contentes por estarem no Cruzeiro, por estarem trabalhando, recebendo em dia ou quase que um dia. Mas fazendo o seu trabalho normal.E a presidência fazendo tudo aquilo que não foi feito anteriormente, por isso trabalhando no sentido de que eles entendam um pouco, que ajudem mais do que ajudaram desde o início do ano. Porque aí nós vamos ter um bom ambiente dentro do clube. Também queremos que os funcionários saibam que eles estão incluídos junto nesse nessa forma de nós trabalhamos. E espero que seja bem definido já nesta semana que vem e na outra semana, quando algumas das pendências que nós temos com o grupo sejam naturalmente definidas -disse o treinador da Raposa.

O bom ambiente pode acalentar o sonho cruzeirense de volta à Série A. O triunfo sobre o Vitória mantém o time celeste vivo na disputa por uma das quatro vagas do acesso para a elite em 2021.

Os três pontos em Salvador não tiraram o Cruzeiro do 11º lugar, mas ao chegar aos 38 pontos, pode terminar a rodada a seis pontos do G4. A Raposa encara o CSA, terça-feira, 15 de dezembro, às 21h30, no Mineirão, pela 29ª rodada.

Últimas