Lance Fábio fala que Cruzeiro ainda não 'deu liga' e fala que o time está ansioso após os protestos

Fábio fala que Cruzeiro ainda não 'deu liga' e fala que o time está ansioso após os protestos

O camisa 1 da Raposa citou também os problemas da Raposa que estão afetando a equipe dentro de campo

Lance
Lance

Lance

Lance

O goleiro Fábio lamentou mais uma vez o revés do Cruzeiro na Série B, desta vez, diante do Avaí e disse que a equipe ainda não “deu liga”, justificando a campanha ruim no campeonato. A Raposa está na 15ª posição, com oito pontos, podendo terminar a rodada na zona do rebaixamento.

O goleiro fez um desabafo e citou os problemas financeiros do Cruzeiro e falou da dificuldade do time para melhorar, mesmo com métodos de trabalho diferentes dos técnico que passaram pela Toca da Raposa.

-Complicado. A gente já sabia que seria difícil, mas não dessa forma. Tivemos muitas dificuldades: financeira desde janeiro, perda dos seis pontos, não ter cota de Série A. Essa temporada não seria fácil, mas as coisas não estão fluindo. Estamos lutando até o final, mas as coisas não estão se encaixando. A gente pressiona e toma gol de contra-ataque ou bola parada. Aí gera mais pressão, mais cobrança. É continuar trabalhando. Todo mundo deveria ter a consciência de que seria difícil- disse.

Fábio ressaltou que os recentes protestos da torcida têm aumentado a ansiedade do um grupo, principalmente dos jovens.

-A pressão é toda em cima da gente. O torcedor está vendo a realidade. É simples, é só querer enxergar. O Cruzeiro vem de uma situação delicada financeiramente. Os jogadores são novos, a responsabilidade é gigantesca, principalmente para os garotos. Se o torcedor não enxergar isso, vai ter ainda mais pressão. Eu estou acostumado a levar porrada. Na Série B, a obrigação é toda do Cruzeiro de conquistar o acesso-concluiu.

A chance para o Cruzeiro se reabilitar na Série B será na quarta-feira, 30 de setembro, às 19h15, no Mineirão, contra a Ponte Preta, pela 12ª rodada.

Últimas