Lance Fã de Nadal, garoto de 10 anos joga sem o backhand

Fã de Nadal, garoto de 10 anos joga sem o backhand

Menino de 10 anos, opta para jogar como ambidestro e simplesmente não bate um dos golpes fundamentais do tênis

Lance
Lance

Lance

Lance

Aos 10 anos de idade, o búlgaro Theodor Davidov radicado em Denver, nos Estados Unidos, chamou atenção no torneio regional Easter Bowl ao competir jogando apenas com forehand. O garoto, fã de Nadal, é "duro de enfrentar" garante rival.

Após chamar a atenção dos fãs de tênis americanos, Davidov foi procurado no torneio pelo jornalista Steve Pratt para contar sua história. Simpático, o garoto começou falando sobre seu sucesso na internet: "El não sonho em ser popular, eu quero ser jogador profissional. Eu não ligo para popularidade", apontou ele que já sabe o que precisa para se tornar tenista profissional: "Trabalho duro e foco". e que a decisão de jogar com forehand foi de seu pai, que também é seu treinador.

"Inicialmente, quando eu tinha sete anos, meu pai desenvolveu meu lado direito, porque eu jogava com a direita e meu braço estava bem mais forte, então ele decidiu que eu jogasse mais forehands e saques com o lado esquerdo também. Ele percebeu que eu era forte e tomou a decisão de me fazer jogar com dois forehands. Ir tentando isso. No primeiro ano, eu perdi muito, eu quase que quis desistir, mas eu me mantive lutando e estou aqui", disse com sorriso.
Davidov contou que há pouco mais de um ano e meio vive em Denver, no Colorado, mas é búlgaro. A família decidiu se mudar para os Estados Unidos buscando uma melhor formação para ele e no estado do meio oeste americano encontrou quadras para treinar o filho. Recentemente a família comprou uma casa na Flórida, onde o garoto espera encontrar uma boa oportunidade para treinar em uma grande academia.

Davidov contou ainda que é fã de Rafael Nadal e como o ídolo é destro fora das quadras. Davidov joga como ambidestro e utiliza o saque do canhoto, por ser mais potente.

Pratt também ouviu o adversário do búlgaro, o americano Jordan Lee, de 11 anos, que revelou: "É realmente difícil jogar contra ele. Basicamente, ele não tem fraquezas. Ele é muito rápido. Talvez há uma chance jogando bolas fundas, contra-atacando rápido, trazendo pra rede. Mas é difícil. Não tem nenhuma fraqueza". Lee acabou derrotado por Davidov em 6/3 6/7(4) 10/7 na chave de simples sub 12 a 14 anos.
O búlgaro perdeu de virada na semifinal do torneio para o sétimo favorito, o americano Jack Kennedy com placar de 4/6 6/3 10/6.

Confira como joga Davidov, que troca a raquete de mão constantemente:

B12s quarterfinalist Teodor Davidov never hits a backhand. Alternates serving left-handed and right-handed too#adidasEasterBowl pic.twitter.com/yWZqmAHURN
— Colette Lewis (@zootennis) March 28, 2021



Últimas