Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Ex-esposa de Daniel Alves reforça convicção em inocência do jogador: 'Que justiça estamos fazendo?'

Dinorah Santana discorda de decisão da Justiça espanhola que negou liberdade provisória ao atleta

Lance|

Lance
Lance Lance

Dinorah Santana, ex-esposa e atual sócia de Daniel Alves, discordou da decisão da Justiça espanhola de manter o jogador preso até o fim das investigações do caso de suposta agressão sexual. Em entrevista ao "El Programa de Ana Rosa", da emissora espanhola "Telecinco", a empresária reforçou a convicção na inocência do lateral-direito.

- Há estupradores condenados que estão na rua. Dani não é estuprador, como ele está preso? Isso é o que não passa pela minha cabeça. Que justiça estamos fazendo? Não há nada que o incrimine, então o que faz no cárcere? Como se destrói a vida de uma pessoa desta maneira, de seus filhos, de sua família? - questionou.

+ Imprensa mundial se rende a Vinicius Jr: veja destaques de sites e jornais

Daniel Alves e Dinorah se conheceram em 2001 e permaneceram juntos até 2011. Durante o casamento, os dois tiveram os filhos Daniel e Vitória. Após o término do relacionamento, a empresária continuou administrando a carreira do atleta. Os dois são sócios na empresa artística "Flash Forward Music" e, atualmente, é o marido de Dinorah, Fransergio Bastos, quem gere os contratos do ex-Barcelona no futebol.

Publicidade

+ Ex-esposa e sócia defende Daniel Alves, preso e acusado por agressão sexual

RELEMBRE O CASO

Publicidade

Daniel Alves está preso preventivamente na Espanha desde o dia 20 de janeiro. O jogador teria agredido sexualmente uma mulher de 23 anos em uma festa no dia 30 de dezembro do ano passado. A Justiça espanhola ordenou a prisão do atleta depois de ouvir depoimentos contraditórios do brasileiro. De acordo com a imprensa espanhola, o ex-Barcelona alegou que teve relações sexuais consensuais com a mulher na última versão do seu relato.

Inicialmente, Daniel Alves foi preso no Centro Penitenciário Brians 1, mas foi transferido para o Brians 2 três dias depois da detenção. A cadeia é localizada no município Sant Esteve Sesrovires, a 40 km de Barcelona.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.