Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Como estão os atletas brasileiros que foram medalhistas em Rio 2016

Brasil faturou 7 ouros, 6 pratas e 6 bronzes na última Olimpíada. Veja quem estará disputando por medalhas em Tóquio 2020

Esportes Olímpicos|Do R7


Então com 24 anos, Felipe Wu faturou a primeira medalha (e foi de prata) do Brasil nos Jogos. Foi no tiro esportivo, na categoria pistola de ar de 10 metros. Foi a primeira insígnia do país na modalidade desde a edição de 1920, na Antuérpia (Bélgica). Ele está classificado para os Jogos de Tóquio
Então com 24 anos, Felipe Wu faturou a primeira medalha (e foi de prata) do Brasil nos Jogos. Foi no tiro esportivo, na categoria pistola de ar de 10 metros. Foi a primeira insígnia do país na modalidade desde a edição de 1920, na Antuérpia (Bélgica). Ele está classificado para os Jogos de Tóquio
Medalha de ouro na categoria peso-leve (-57 kg), Rafaela Silva não poderá participar dos Jogos de Tóquio, pois foi flagrada no antidoping, em 2019. pela presença de fenoterol. Ela está com 29 anos
Medalha de ouro na categoria peso-leve (-57 kg), Rafaela Silva não poderá participar dos Jogos de Tóquio, pois foi flagrada no antidoping, em 2019. pela presença de fenoterol. Ela está com 29 anos
Com duas medalhas de bronze olímpicas no currículo, a judoca Mayra Aguiar chega como candidata a mais uma insígnia na categoria até 78kg. A atleta vem de um terceiro lugar no Mundial
Com duas medalhas de bronze olímpicas no currículo, a judoca Mayra Aguiar chega como candidata a mais uma insígnia na categoria até 78kg. A atleta vem de um terceiro lugar no Mundial
No judô masculino, Rafael Silva irá atrás de sua terceira medalha olímpica na categoria peso-pesado (acima de 100kg). O atleta sul-matogrossense foi bronze em Londres 2012 e Rio 2016
No judô masculino, Rafael Silva irá atrás de sua terceira medalha olímpica na categoria peso-pesado (acima de 100kg). O atleta sul-matogrossense foi bronze em Londres 2012 e Rio 2016
O ginasta Diego Hypólito ficou com a medalha de prata no solo. Atualmente, está com 35 anos e aposentado
O ginasta Diego Hypólito ficou com a medalha de prata no solo. Atualmente, está com 35 anos e aposentado
Na mesma prova, Arthur Nory ficou com o bronze. Agora, está com 27 anos e é esperança de ouro para o Brasil
Na mesma prova, Arthur Nory ficou com o bronze. Agora, está com 27 anos e é esperança de ouro para o Brasil
Primeira nadadora brasileira a conquistar uma medalha em uma edição olímpica, Poliana Okimoto ficou com a medalha de bronze na maratona aquática dos Jogos do Rio de Janeiro. Hoje, está com 38 anos e aposentada
Primeira nadadora brasileira a conquistar uma medalha em uma edição olímpica, Poliana Okimoto ficou com a medalha de bronze na maratona aquática dos Jogos do Rio de Janeiro. Hoje, está com 38 anos e aposentada
Arthur Zanetti é o único ginasta brasileiro a ter conquistado duas medalhas olímpicas, ambas nas argolas: ouro em 2012 e prata no Rio 2016. Agora, está com 31 anos e é esperança de ouro
Arthur Zanetti é o único ginasta brasileiro a ter conquistado duas medalhas olímpicas, ambas nas argolas: ouro em 2012 e prata no Rio 2016. Agora, está com 31 anos e é esperança de ouro
Na Rio 2016, Thiago Braz conseguiu foi o primeiro brasileiro a conquistar uma medalha no salto com vara: ouro na prova, quebrando o recorde olímpico. Hoje, está com 27 anos e também é um dos favoritos para ganhar novo ouro
Na Rio 2016, Thiago Braz conseguiu foi o primeiro brasileiro a conquistar uma medalha no salto com vara: ouro na prova, quebrando o recorde olímpico. Hoje, está com 27 anos e também é um dos favoritos para ganhar novo ouro
A canoagem brasileira tem três medalhas olímpicas, todas elas conquistadas por Isaquias Queiroz. O atleta subiu ao pódio as três vezes na 2016, tornando-se o brasileiro mais premiado em uma única edição olímpica. O canoísta baiano faturou a prata em duas provas: C-1 1.000 m e C-2 1000 m - e o bronze na categoria C-1 200m. Hoje, está com 27 anos, disputará as provas em dupla com novo parceiro
A canoagem brasileira tem três medalhas olímpicas, todas elas conquistadas por Isaquias Queiroz. O atleta subiu ao pódio as três vezes na 2016, tornando-se o brasileiro mais premiado em uma única edição olímpica. O canoísta baiano faturou a prata em duas provas: C-1 1.000 m e C-2 1000 m - e o bronze na categoria C-1 200m. Hoje, está com 27 anos, disputará as provas em dupla com novo parceiro
Martine Grael e Kahena Kunzel foram ouro na vela, na categoria 49erFX. Agora, elas são favoritas para mais um topo
Martine Grael e Kahena Kunzel foram ouro na vela, na categoria 49erFX. Agora, elas são favoritas para mais um topo
Alison e Bruno Schmidt foram ouro, no vôlei de praia, e agora tentarão o bi, mas cada um com um parceiro diferente
Alison e Bruno Schmidt foram ouro, no vôlei de praia, e agora tentarão o bi, mas cada um com um parceiro diferente
Junto com Isaquias Queiroz, Erlon Souza foi prata na C2 100m. Ele não estará em Tóquio
Junto com Isaquias Queiroz, Erlon Souza foi prata na C2 100m. Ele não estará em Tóquio
Comandado por Neymar e Gabigol, o Brasil foi ouro em 2016. O técnico era Micale e agora é Jardine, que, por conta do limite de idade e clubes não liberarem, tem um grupo totalmente diferente
Comandado por Neymar e Gabigol, o Brasil foi ouro em 2016. O técnico era Micale e agora é Jardine, que, por conta do limite de idade e clubes não liberarem, tem um grupo totalmente diferente
Maicon Siqueira ganhou bronze no taekwondo (+ 80 kg). Ele ainda é atleta e até foi medalhista no último mundial, mas não foi convocado para Tóquio
Maicon Siqueira ganhou bronze no taekwondo (+ 80 kg). Ele ainda é atleta e até foi medalhista no último mundial, mas não foi convocado para Tóquio

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.