Lance Entidade organizadora retira o Pan de 2027 da cidade de Barranquilla, na Colômbia

Entidade organizadora retira o Pan de 2027 da cidade de Barranquilla, na Colômbia

PanAm Sports emite comunicado confirmando cancelamento de acordo

Lance
Lance

Lance

Lance

A cidade de Barranquilla, na Colômbia, não receberá mais os Jogos Pan-Americanos de 2027. A PanAm Sports, entidade que organiza o evento, informou a decisão em comunicado emitido nesta quarta-feira (3).

A PanAm Sports alega que a cidade não cumpriu uma série de requisitos do contrato. Segundo o "ge", a cidade colombiana não pagou duas parcelas de US$ 4 milhões (aproximadamente R$ 45 milhões na cotação atual) previstas como garantia. Com isso, o Comitê Executivo da entidade tomou a decisão de buscar uma nova sede.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

A decisão de que Barranquilla sediaria os Jogos Pan-Americanos de 2027 havia sido tomada em 2021. A nova sede ainda não está definida. De acordo com a PanAm Sports, a decisão da troca foi motivada "pensando no futuro do maior evento multiesportivo das Américas e nos atletas do continente".

Veja abaixo o comunicado da PanAm Sports na íntegra.

"Panam Sports informa ao público que seu comitê executivo decidiu, por unanimidade, retirar a sede dos XX Jogos Pan-Americanos da cidade de Barranquilla, Colômbia. A resolução foi tomada após inúmeras quebras de contrato. Cabe destacar que no dia 19 de outubro, em reunião em Santiago do Chile e após receber uma carta oficial das autoridades colombianas datada de 25 de outubro, Barranquilla solicitou prorrogação dos prazos para poder cumprir o contrato.

A proposta foi aceita pela Panam Sports, com nova data de 30 dezembro de 2023 e 30 de janeiro de 2024. No entanto, dada a falta de resposta após o término do novo prazo, o Comitê Executivo da Panam Sports, em 3 de janeiro de 2024, assumiu a determinação inabalável em retirar o direito de ser a cidade-sede do evento continental em 2027.

A Panam Sports lamenta profundamente esta situação, mas a decisão foi tomada pensando no futuro do maior evento multiesportivo das Américas e nos atletas do continente."

Últimas