Lance Endrick treina com Abel e Palmeiras inicia projeto de integração com o profissional

Endrick treina com Abel e Palmeiras inicia projeto de integração com o profissional

Joia do Verdão só pode assinar vínculo 'de adulto' em julho, quando faz 16 anos

Lance
Lance

Lance

Lance

A data mais esperada pelo palmeirense no ano é 21 de julho. Afinal, será quando o atacante Endrick, joia absoluta da base e já autor de quatro gols nos dois jogos do clube na Copa São Paulo de juniores, fará 16 anos e enfim poderá atuar pelo time profissional.

O LANCE! apurou que a presença de Endrick no treino dos profissionais neste domingo (9) vai além do preenchimento de elenco para a pré-temporada. O técnico Abel Ferreira quer avaliar a joia do Verdão e iniciar o seu processo de integração.

Para quem sonha com a chegada de um centroavante, Abel está impressionado com os números do garoto. Não é para menos. Endrick chegou ao Palmeiras em 2016 e já acumula a marca de 168 gols em 171 partidas, sendo 69 deles em torneios oficiais organizados pela FPF ou pela CBF.

Acostumado a pular etapas, a joia palmeirense participou também das campanhas palestrinas em três categorias do Campeonato Paulista: sub-15, sub-17 e sub-20. Vale lembrar que o clube chegou até a decisão em todas elas. Todas com muitos gols do jovem.

Endrick é tratado como a principal revelação do clube para os próximos anos. E um dos pedidos feitos pela presidente Leila Pereira e o staff do futebol ao treinador português é traçar um plano de metas para evitar que haja problemas na adaptação.

Abel se convenceu que tinha algo raro nas mãos para ser utilizado nesta temporada com o rendimento do atacante na Copinha. No último sábado (8), por exemplo, Endrick marcou dois gols nos 3 a 0 do Verdão sobe o Real Ariquemes (RO), resultado que selou a classificação para a próxima fase.

O primeiro gol da joia na partida, uma pintura, cativou a internet e rendeu ao jovem elogios até mesmo do inglês Gary Lineker, artilheiro da Copa do Mundo de 1986.

- Endrick. 15 anos apenas. Lembrem do nome - postou Lieneker.


A joia poderia atuar no time principal do Palmeiras com 15 anos com algumas condições específicas. O atual vínculo de Endrick com o Palmeiras é um contrato de formação esportiva, o único modelo jurídico permitido para menores a partir dos 14 anos. O que o Verdão faz como medida de resguardo é ser um clube formador certificado pela CBF, o que o confere o direito de assinar um primeiro contrato profissional e também a renovação desse acordo.

Nesses moldes, um atleta pode ser inscrito no BID, o Boletim Informativo Diário, da CBF, que regulariza um jogador para atuar. Segundo a lei brasileira, relações formais de emprego só podem acontecer a partir dos 14 e em caráter de aprendizagem, bem como compreende a Lei Pelé, dando condições desse jovem atuar no contrato de formação, chamado de ‘contrato de aprendizagem’.

O fato e clubes esperarem pelo aniversário de 16 anos é uma escolha que visa aumentar a proteção jurídica em relação ao vínculo – possibilitando a determinação de multas por rompimento. Uma segurança definitiva para ter uma promessa exposta ao mundo.

E haja exposição. Gigantes europeus e até o Flamengo teriam conversado com o pai e procurador do menino questionando sua situação com o Verdão.

Só que o vínculo da família com o Palmeiras vai além do profissional. O pai da joia foi funcionário do clube, é torcedor e tem bem definida a ideia de que primeiro é preciso pensar em estourar no Verdão antes de pensar em outros ares. Europeus, claro. Porque rivais do Verdão vão é perder tempo procurando Endrick.

TABELA

> Veja classificação e simulador do Paulistão-2022 clicando aqui

> Confira o caminho do Verdão no Mundial de Clubes-2022 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Últimas