Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

'Encarada' valoriza Anderson Silva e Chael Sonnen, engaja e expõe necessidade no 'universo das lutas'

Apesar de atrasos, Spaten Fight Show promete proposta diferente do Fight Music Show

Lance

Lance|Do R7


Imagem da notícia

Ao colocar frente a frente Anderson Silva e Chael Sonnen, o Spaten Fight Show promete evoluir os eventos de lutas com figuras famosas, que estão cada vez mais populares. Além do alcance midiático, a organização pretende valorizar os esportistas envolvidos.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

Essa foi a demonstração dada na "encarada" da última quarta-feira (12), entre esses dois rivais que protagonizaram duelo histórico no UFC. A proposta vai além do recente Fight Music Show, que promoveu embate entre Popó, tetracampeão mundial de boxe, diante do ex-BBB Kleber Bambam. Apesar de colocar o esporte em evidência, trazê-lo ao debate do cotidiano e ser um sucesso de audiência, acompanhamos um profissional contra um aventureiro.

Publicidade

A espetacularização esteve como ponto central das ações, com outras diversas lutas entre influencers e lutadores não profissionais. Anderson Silva, inclusive, criticou a prática.

— Lutadores que não são profissionais... Então não são lutadores. Quando falamos de eventos de entretenimento, é diferente de eventos de luta. Todo entretenimento é positivo, mas as pessoas que produzem esses eventos têm que tomar mais cuidado com as escolhas dos adversários para os atletas profissionais. É um esporte de contato, perigoso, não dá. O entretenimento pode virar algo trágico — afirmou, em entrevista ao Lance!.

Publicidade

➡️ Chael Sonnen provoca o Brasil na encarada com Anderson Silva; assista

Próximos passos

Publicidade

A intenção da organização é passar a realizar dois eventos anuais, preferencialmente com lutadores profissionais menos conhecidos do grande público. Nesta primeira oportunidade, grandes nomes (todos com a prática profissional do esporte) como Anderson Silva, Sonnen, Hebert Conceição e Esquiva Falcão foram colocados para estabelecer a marca e o evento.

Anderson Silva x Chael Sonnen: valorizações e contradições

A "encarada" entre os adversários ocorreu em zona nobre da cidade de São Paulo, com início marcado para às 17h. Além de Anderson Silva e Chael Sonnen, os medalhistas olímpicos Hebert Conceição e Esquiva Falcão participaram do evento — eles se enfrentarão no Spaten Fight Show de sábado (15).

Apesar dos atrasos (a encarada estava marcada para 18h e aconteceu cerca de 19h40), o evento promoveu iniciativas para aproximar o público da luta, promete ir além do espetáculo midiático e, conceitualmente, pretende valorizar o esporte.

A encarada, que contou com uma série de entrevistas com os lutadores envolvidos, foi aberta para o público comparecer e poder acompanhar a "last dance" de nomes marcantes do MMA, especialmente para o Brasil. A contradição é o evento principal, no sábado (15), não ser aberto para as pessoas comprarem ingressos e comparecerem, além do local "restrito" escolhido para a encarada.

Capítulo final

Apenas convidados acompanharão o evento principal in loco. Futuramente, é provável que o aspecto "excludente" mude, de acordo com a evolução do evento, que está em suas primeiras edições.

Anderson Silva e Sonnen farão história ao colocar ponto final na rivalidade que mais mexeu com o Brasil na última década dentro do UFC justamente em solo nacional. Além do "deleite" pelo evento, é possível que esportistas profissionais tenham maior visibilidade no futuro e sejam colocados como protagonistas do esporte que move suas vidas.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.