Lance Emílio Papaléo Zin é apresentado como novo vice-presidente de futebol do Internacional

Emílio Papaléo Zin é apresentado como novo vice-presidente de futebol do Internacional

O dirigente contou com a presença de Alessandro Barcellos na coletiva de apresentação e propôs união no clube

Lance
Lance

Lance

Lance

O departamento de futebol do Internacional tem nova peça importante em sua engrenagem. Emílio Papaléo Zin foi apresentado nesta quarta-feira como novo vice-presidente da pasta. O conselheiro se disse honrado com o convite e pediu a união por parte de todos os colorados para alavancar o sucesso do clube.

+ Veja no aplicativo do LANCE! o resultado dos jogos da rodada

Pouco antes da entrevista, o conselheiro e advogado, que conta com mais de duas décadas de serviços prestados ao Inter, foi apresentado oficialmente ao grupo de jogadores e comissão técnica, conversando diretamente com o grupo dentro do gramado do CT Parque Gigante.

O dirigente contou com a presença de Alessandro Barcellos na coletiva de apresentação. Lado a lado com o novo vice de futebol, o presidente ressaltou a postura e conhecimento da engrenagem colorada por parte do escolhido.

'É um colorado que traz no seu DNA as características do diálogo e da transparência, e, ao mesmo tempo, a firmeza e autoridade que esse posto exige. É um colorado que vive o Clube, participa do nosso comitê de futebol, que foi quem montou o projeto, vem acompanhando as reuniões sistemáticas que fazemos. É um conselheiro que sabe muito bem o que está acontecendo, tenho certeza que entra nessa engrenagem de forma tranquila com relação ao conhecimento da realidade que vivemos, às dificuldades e os desafios que temos pela frente', avaliou Barcellos.

Em suas primeiras palavras, Papaléo agradeceu o chamado: 'Estou extremamente honrado com o convite. Agradeço a confiança em mim depositada nessa árdua missão e desafio que me propus a aceitar. Espero corresponder a expectativa'.

Entre as atribuições da vice-presidência de futebol, Papaléo insistiu que a unificação em torno do clube é fundamental para atingir voos maiores.

'O Internacional está precisando de união. Não estamos aqui como representantes de movimentos políticos, nós estamos aqui como colorados. Precisamos nos unir em torno de objetivos em comum. Embora o passado seja uma roupa que não nos serve mais, a história nos mostra que o Internacional, sempre que foi exitoso, esteve unido. Preponderantemente é nisso que temos que focar, blindar os jogadores, dar condições para que eles possam jogar futebol sem interferências externas', declarou o novo vice de futebol.

Últimas