Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Em meio a tensão nos bastidores, saiba quantos jogos o Palmeiras deve deixar de atuar no Allianz Parque

Shows e eventos impedirão o Verdão de usar o Allianz Parque na reta final da temporada

Lance|

Lance
Lance Lance

Em meio à briga judicial envolvendo o Palmeiras e a Real Arenas, empresa da WTorre, o Verdão já sabe que não poderá mandar pelo menos quatro jogos no Allianz Parque durante a reta final da temporada.

+ Lance! estreia nova marca e se reposiciona no mercado de mídia esportivas

A equipe de Abel Ferreira não terá o Allianz contra América-MG, Atlético-MG, Athletico-PR e Internacional, pelo Brasileirão, devido aos shows de Taylor Swift, Roger Waters e o festival GPWEEK.

O Verdão também pode ficar sem o Allianz no clássico contra o Santos e em uma eventual semifinal da Libertadores, além da possibilidade de capacidade reduzida no estádio contra Cruzeiro, Vasco e Fluminense, no Brasileiro, para montagem e preparação do palco nos shows citados.

Publicidade

+ Todos os jogos do Brasileirão você encontra no Prime Video. Assine já e acompanhe o seu time do coração!

QUAL VAI SER A CASA DO PALMEIRAS?

Publicidade

O martelo ainda não está batido, mas o Morumbi desposta como opção para o Palmeiras mandar seus jogos sem o Allianz Parque, tendo em vista a boa relação e o acordo entre Leila Pereira e Júlio Casares, presidente do São Paulo. Não obstante, a comissão técnica de Abel Ferreira e os jogadores palmeirenses aprovam o gramado são-paulino.Verdão venceu o Peixe no Morumbi (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Por motivos de shows ou eventos, a diretoria alviverde recorreu ao Morumbi em dois momentos na temporada: Contra o Santos, pelo Paulistão, e depois diante do Cerro Porteño, pela Libertadores.

Publicidade

PALMEIRAS E WTORRE

Responsável pelos investimentos para a construção do Allianz Parque em 2014, a WTorre tem direito a explorar o estádio com shows e eventos até 2044.

+ Verdão briga pelo título? Veja tabela e os próximos jogos do Brasileirão

Nas últimas semanas, a relação entre o clube e a empreiteira chegou ao seu limite, tendo em vista as alegações feitas pelo Palmeiras sobre uma supostas dívidas que a gestora do Allianz não paga desde 2015. As cifras, segundo o clube, estão em R$128 milhões.

A Real Arenas, empresa da WTorre, foi notificada pela Justiça e tem até meia-noite de quarta-feira (21) para quitar a dívida com o Verdão. Em caso de descumprimento, a empresa terá 15 dias para responder. Se novamente não houver uma resposta, a consequência poderá ser de penhoras e outras ações.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.