Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Em jogo marcado por protesto, Gauff bate Muchova e vai à final do US Open

Jogando sua segunda final de Grand Slam da carreira, Gauff busca título inédito

Lance

Lance|Do R7

Lance
Lance Coco Gauff em ação no US Open

A norte-americana Coco Gauff, 6ª da WTA, fez história na noite desta quinta-feira e ao superar a tcheca Karolina Muchova, 10ª, e se garantir na grande final do US Open pela primeira vez na carreira. O jogo foi marcado por um protesto e parada de 55 minutos.

Gauff encarou um total de 2h03 de partida para superar Muchova com placar de 6/4 7/5 tendo convertido um ace contra dois de Muchova, que cometeu duas duplas-faltas como a americana, que disparou 13 bolas vencedoras a 15 e cometeu 25 erros não-foçados a 36 da tcheca.

A partida foi marcada po um momento de tensão, que resultou numa parada de 57 minutos. Tudo aconteceu quando Gauff já vencia a partida em 6/4 1/0 quando cerca de 100 pessoas (número estimado não oficial) que começaram a gritar palavras de ordem em pol do meio ambiente. A equipe de segurança do torneio precisou se chamada, mas não conseguiu cnter todos os manifestantes.

Neste momento, os organizadores do torneio optaram por retirar as atletas de quadra e ficou comprovado que um dos manifestantes havia colocado seus pés no chão da arquibancada da Arthur Ashe. A polícia metropolitana de Nova York foi chamada para efetivar a prisão o descolamento dos pés do manifestante. Todo o processso demorou cerca de 57 minutos.

Publicidade

Campeã em Washington e no WTA 1000 de Cincinnati, Gauff chegoua sua 17ª vitória nos últimos 18 jogos. Sua última derrota foi pelas quartas de final do WTA de Montreal para a compatriota Jessica Pegula, que ficou com o título do torneio naquela ocasião.

Vice-campeã em Roland Garrros 2022, Gauff aguarda pela vencedora do duelo entre a bielorrussa Aryna Sabalenka e a norte-americana Madison Keys.

Publicidade

Gauff tornou-se a primeira americana desde Serena Williams em 2019 a jogar a final e simples do US Open. Naquela ocasião, Serena perdeu a final para a candense Bianca Andreescu.

Caso Keys passe à final, esta será a primeira final feminina do desde 2017 com pesença totalmente americana. Naquele ano, Sloane Stephens foi campeã e Keys a vice.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.

</