Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Em coletiva, Marquinhos vê rival como favorita nessa Copa América; veja

Zagueiro relembrou final da Copa América de 2021 e deixou um recado

Lance

Lance|Do R7


Imagem da notícia

O craque Lionel Messi, em recente entrevista, afirmou que a Argentina "era a melhor por ser a atual campeã mundial". Marquinhos, ex-companheiro de time do argentino, não discordou. O mesmo, por sua vez, relembrou que na Copa América de 2021, a Seleção Brasileira era a favorita naquela edição, porém foi derrotada pelos argentinos no Maracanã.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

Em entrevista coletiva, realizada ontem, em Orlando-FL, Marquinhos completou dizendo que a Seleção Brasileira só depende dela para conquistar a Copa América:

"Cabe a nós fazer com que toda essa força nos leve dentro de campo, para que possamos trabalhar dentro de campo, como equipe, como a seleção merece. Fazendo grandes jogos. Fazer um jogo de cada vez. Temos grandes desafios até chegar a uma possível final e sermos campeões. Os jogos nos fazem criar cascas para nos tornarmos campeões".

Publicidade

O experiente zagueiro também comentou sobre a mudança que é entre jogar ao lado de Thiago Silva, e de ser o líder da defesa com caras novas na seleção como, por exemplo, Bremer, Beraldo e Gabriel Magalhães e Militão.

Publicidade

"Antes eu trabalhava com pessoas que eu era fã, com grandes ídolos, pessoas que fizeram seus nomes na Seleção. Hoje, faço esse papel. É tudo questão de tempo, de história, de dia a dia com eles. Vivo de forma normal, tento me aproximar cada vez mais dos jogadores que estão comigo, porque sei que o Thiago, Miranda, David Luiz eram importantes para mim".

Publicidade

"Quando não presto atenção, você tem que tomar cuidado com as suas atitudes, se comportar da melhor forma. Sempre tem alguém vendo. Estou vivendo assim. Sei do meu papel, tento trazer para a Seleção formas de ajudar esses meninos que estão chegando", acrescentou o camisa 3.

A Copa América começa hoje, quinta-feira, com Argentina x Canadá, às 21h, no Mercedes-Benz Stadium. O Brasil estreia na segunda-feira, às 22h, contra a Costa Rica, no SoFI Stadium. A Seleção está no Grupo D, que tem ainda Colômbia e Paraguai. Antes, o Brasil fez dois amistosos. Venceu o México por 3 a 2 e empatou por 1 a 1 com os Estados Unidos.

"A atual campeã é sempre a equipe a ser batida. Independentemente do momento, vimos a Argentina vencer o Brasil numa Copa América enquanto estávamos melhores que eles. Isso não quer dizer nada. Em campo, muita coisa muda, são histórias que mudam", opinou o zagueiro do PSG.

( "A atual campeã é sempre a equipe a ser batida. Independentemente do momento, vimos a Argentina vencer o Brasil numa Copa América enquanto estávamos melhores que eles. Isso não quer dizer nada. Em campo, muita coisa muda, são histórias que mudam", opinou o zagueiro do PSG. )

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.