Edmundo chora ao lembrar tragédia de carro em 1995: 'Vivo preso a isso'

Ex-jogador se envolveu em grave acidente, que vitimou três pessoas. Em participação na 'ESPN Brasil', ele se emocionou ao comentar 'generosidade' de colegas

Lance

Lance

Lance

O ex-jogador e comentarista esportivo Edmundo voltou a falar sobre uma tragédia marcante em sua vida: o acidente de carro em 1995. Em participação na "ESPN Brasil", no programa "Bate-Bola Debate", nesta terça-feira, Edmundo, que na época se transferia ao Corinthians, lembrou a ajuda comovente de colegas no clube e contou sobre as marcas da tragédia: "Vivo preso nisso".

- Foi o momento mais difícil da minha vida, não só da minha carreira. Era um momento de tentar entender como é que as pessoas iam me receber, e o torcedor do Corinthians, o Corinthians de um modo geral, me recebeu muito bem e eu conseguir prosseguir a minha vida - disse ele, emocionado, e completou:

- Esquecer, a gente não esquece nunca. Fazem 25 anos que eu sofri o acidente de carro. Eu vivo preso a isso há 25 anos, não consigo esquecer. Foi em dezembro de 95, eu cheguei em janeiro ao Corinthians, para seguir a minha carreira, e só foi possível porque as pessoas foram generosas comigo. Prometo, não vou chorar mais - finalizou ele.

Pouco antes de chegar ao Corinthians, Edmundo se envolveu em um trágico acidente de carro que vitimou três pessoas, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Na época, o atacante do Flamengo chegou a sofrer alguns arranhões após o carro onde ele estava bater e capotar na madrugada. Atualmente, aposentado do futebol, ele é comentarista esportivo nos canais "Fox Sports".