Lance Djokovic vira batalha incrível contra Tsitsipas e faz, em Roma, sua 70ª semi de Masters

Djokovic vira batalha incrível contra Tsitsipas e faz, em Roma, sua 70ª semi de Masters

Sérvio viu rival sacar para o jogo no terceiro set e esteve abaixo no segundo

Lance
Lance

Lance

Lance

Novak Djokovic tinha tudo para sair eliminado do Masters 1000 de Roma, na Itália, nas quartas de final, mas lutou, resistiu e virou batalha de quase três horas em jogo de dois dias por conta da chuva na capital italiana.

O número 1 do mundo derrotou o quinto colocado, Stefanos Tsitsipas, por 4/6 7/5 7/5 após 3h16min de duração na quadra central do Foro Itálico.

Djokovic bate o rival pela quinta vez em sete jogos e acumula sua 949ª vitória na carreira onde perdeu 194 vezes. Ele alcança sua 70ª semifinal de torneio Masters 1000 onde é o maior campeão com 36 conquistas. Ele persegue seu sexto caneco na capital italiana onde venceu em 2008, 2011, 2014, 2015 e 2020 e vai buscar sua 10ª final na competição.

Seu rival sai do duelo entre o russo Andrey Rublev, sétimo, e o italiano Lorenzo Sonego, 33º e algoz de Dominic Thiem. O duelo será às 13h30 de Brasília ainda neste sábado.

O jogo

A partida começou na tarde desta sexta-feira no horário local e foi paralisada no 4 a 3 e saque para Tsitsipas. O duelo foi retomado três horas e meia depois com o grego jogando firme e fechando a parcial por 6/4 em 50 minutos. Ele acabara de quebrar em 2/1 já na noite desta sexta quando a chuva apertou e paralisou novamente o jogo. Após um tempo de espera o duelo foi adiado para este sábado.

Na retomada, sol e calor e Tsitsipas controlou bem o saque até ser quebrado de volta no oitavo game. Após longo 12º game, Nole resistiu, quebrou e fechou a parcial vibrando muito.

No terceiro set o grego começou com tudo novamente, quebrou no terceiro game e viu Djokovic se enfurecer e jogar a raquete contra a placa de publicidade. Tsitsipas abriu 3 a 1 e teve break-points para ampliar a vantagem, mas o sérvio seguiu sua luta, confirmou e devolveu a quebra, virando para 4 a 3. Tsitsipas controlou os nervos, fez seu saque, quebrou e sacou para a vitória, mas Nole abriu um 15/40 e converteu na segunda oportunidade. Djoko foi pra cima no 12º game com 6 a 5 a frente, Tsitsipas errou, cedeu um triplo match-point e Djoko aproveitou a segunda chance para fechar por 7/5.

Últimas