Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Djokovic sobre início da temporada de saibro: 'Não é fácil encontrar ritmo'

Djokovic sobre início da temporada de saibro: 'Não é fácil encontrar ritmo'

Lance|

Lance
Lance Lance

O sérvio Novak Djokovic, número 1 do mundo, conversou com os jornalistas sobre sua estreia na temporada de saibro e no Masters de Monte Carlo, em Mônaco, diante do qualifier russo Ivan Gakhov. Djokovic falou a dificuldade de adaptação ao piso.

"Estou feliz por começar a temporada no saibro com uma vitória contra um adversário que eu não conhecia. Assisti a um vídeo de sua vitória na primeira odada ontem. Eu sabia que ele era canhoto e, na verdade, não treinava com jogadores canhotos há algumas semanas. Então eu precisava de alguns ajustes para devolver o saque e lidar com o top spin de seu forehand", iniciou sua fala sobre a estreia.

"Ele é um jogador muito bom. Joga um pouco atípico para um cara russo. Mas ouvi dizer que ele está treinando e morando na Espanha há algum tempo, então posso ver por que ele tem sucesso no saibro. Todo crédito para ele por jogar um tênis muito bom no primeiro set. Não joguei bem no primeiro set, mas o segundo foi melhor. Acho que elevei o nível e terminei a partida em grande estilo", considerou.

Ao jornalistas, Djokovic voltou a comentar que a adaptaçãoao saibro é a mais custosa para ele e que por isso, como nas temporadas anteriores, precisará de duas semanas para estar adaptado: "Esse é o caso novamente este ano, embora eu tenha treinado por três semanas e tenha me sentido bem treinando, é diferente quando você joga uma partida, especialmente hoje, quando estava ventando bastante. Por isso não é fácil encontrar o ritmo, ter bem a bola, bater, jogar de canhoto e contra quem não tem muito a perder".

Ao ser questionado da razão pela qual demoa a se adaptar ao piso, mas disse que não sabe a razão: "É o meu jogo, não sei. Talvez para outros seja mais natural, acho que é mais fácil para eles se ajustarem a essa superfície. Para mim, talvez eu só precise de um pouco mais do que os outros jogadores. Sempre foi assim."

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.