Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Djokovic comemora e envia recado aos rivais após virada no US Open

Sérvio destacou sua resiliência no triunfo em cinco sets na madrugada deste sábado

Lance

Lance|Do R7


Lance
Djokovic vibra com triunfo / Crédito: TennisHQ

Novak Djokovic, que voltará ao número 1 do ranking no dia 11, comemorou sua virada épica na madrugada deste sábado que lhe deu vaga nas oitavas de final do US Open, último Grand Slam da temporada.

Ele perdia por 2 sets a 0, mas derrotou o compatriota Laslo Djere, cabeça de chave 32, por 4/6 4/6 6/1 6/1 6/3 em 3h45min de batalha: "Eu diria que tivemos dois jogos diferentes: um foram os dois primeiros sets e outro foram os três últimos. O placar pode não fazer justiça ao terceiro e ao quarto, sim, acho que foi bem mais equilibrado que um duplo 6/1. Acho que Laslo jogou de forma fantástica, sinceramente, nunca o vi jogar assim. Ele estava sentindo muito bem a bola, todo focado no ataque, muito preparado taticamente. Ele começou a partida muito bem, mais confortável do que eu, pois não tive escolha a não ser me defender nos dois primeiros sets", disse o sérvio.

“Eu deveria ter jogado em um nível superior nesses dois sets, mas dou-lhe todo o crédito por me deixar desconfortável em quadra, ele produziu um dos melhores tênis que já o vi jogar. Dou os parabéns, embora tenha tido azar no final. Eu disse a ele na rede que ele deveria continuar nesse caminho, porque se continuar jogando assim continuará subindo no ranking. Ele é um cara legal, trabalha muito, noites como essa mostram que ele merece estar em uma classificação muito melhor do que está”.

Esta foi a oitava virada saindo dois sets abaixo de Djokovic na carreira: "Não tenho certeza se tenho vantagem mental quando estou perdendo dois sets a zero. Talvez depois de vencer o terceiro eu senti que talvez estivesse de volta ao jogo, meio que entendi, por assim dizer. Mas ele continuou lutando, manteve a calma e de certa forma não demonstrou muita emoção. Eu diria que ele não perdeu de forma alguma, apenas foi muito consistente. Sinto que subi de nível e comecei a ler um pouco melhor o jogo dele no terceiro, quarto e quinto sets. Acho que também saquei bem quando precisei, principalmente no quinto. Foi só uma quebra, ele teve um break-point para virar o jogo, o final foi um pouco estressante. Sinto-me muito aliviado por ter conseguido."

Nole enviou um recado para seus rivais após o triunfo épico: "Claro que ganhar um jogo é sempre melhor do que perdê-lo, é simples assim. Acho que a mensagem que isso envia para o resto do vestiário é que obviamente ainda posso jogar cinco sets por noite. Voltar de dois sets a menos sempre significa enviar uma mensagem forte aos seus futuros oponentes. Ao mesmo tempo, para ser sincero, não gostaria de estar nesta situação novamente. Prefiro uma vitória em dois sets, então espero poder fazer isso na próxima partida”.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.