Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Djokovic assume o Nº 1 pela 10ª vez e dispara na ponta

Sérvio tem grandes chances de alcançar 400 semanas na ponta da ATP

Lance

Lance|Do R7


Lance
Djokovic com o troféu no US Open / Crédito: TennisHQ

A conquista da noite deste domingo fez com que o sérvio Novak Djokovic reassumisse a ponta do ranking pela décima vez em sua carreira e entrasse na 390ª semana como o líder. Ele é o maior número 1 da história.

Djokovic somou 2000 pontos pela conquista e foi aos 11795 contra 8535 do espanhol Carlos Alcaraz que perdeu 2000 do ano passado em Nova York e somou 720 pela semi desta edição. A diferença de mais de 3.200 dá conforto para Djokovic que tem 2750 a defender nesta parte final do ano de títulos do ATP World Finals, Astana e Tel Aviv e o vice do Masters 1000 de Paris, na França. Com pouco a defender, Alcaraz precisaria de títulos em sequência para terminar o ano no topo. A chance de Djokovic alcançar as incríveis 400 semanas na liderança são enormes.

Daniil Medvedev cortou vantagem e está a menos de 1.300 atrás de Alcaraz ficando com 7280 após os 1200 da final no Aberto dos Estados Unidos. Holger Rune permaneceu em quarto, Stefanos Tsitsipas subiu dois e completa os cinco melhores. Andrey Rublev subiu dois ao sexto lugar, Jannik Sinner perdeu um e é o sétimo. Taylor Fritz subiu um e é o oitavo. Vice do ano passado, Casper Ruud perdeu quatro e é o nono. Alexander Zverev, que fez quartas, subiu dois e voltou ao top 10 fechando o grupo. Semifinalista, o jovem Ben Shelton, de 20 anos, subiu 28 e é o 19º estreando no top 20.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.