Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Diversidade e inclusão: Vasco da Gama, Sport Recife e Bahia concorrem ao prêmio da CONAFUT

No ano passado, os clubes realizaram inúmeras ações sociais com ênfase em minorias

Lance

Lance|Do R7

Lance
Lance Bahia, Sport e Vasco participam de premiação (Divulgação / CONAFUT)

Entre os dias 22 e 23 de junho, no Espaço Fit, em São Paulo, acontece a sexta edição da CONAFUT, a Conferência Nacional de Futebol. Neste ano, como forma de celebrar e reconhecer a importância das ações extracampo, o congresso entregará o título de melhor programa de diversidade e inclusão do futebol brasileiro. Nessa disputa, Vasco, Sport Recife e Bahia estão na disputa para receber o certificado.

Para a escolha do título, será avaliada com base nas ações realizadas pelos times em 2022. O Sport lançou diversas campanhas com foco no âmbito social no ano anterior. Entre as várias ativações da equipe pernambucana estão: o Ilha Plural, o Dia Das Mães no Leão, a gratuidade para Pessoas Com Deficiência (PCDs) nos jogos e a chegada da clínica Somar - referência no tratamento de autismo - para a Ilha do Retiro.

- Temos trabalhado muito duro nesse combate ao preconceito, com a implementação de processos e práticas no clube. É, portanto, motivo de enorme orgulho para nós estarmos concorrendo ao prêmio, que acredito também ser um reconhecimento ao que temos realizado. Sabemos que podemos fazer ainda mais, mas creio que estamos no caminho certo - , diz Roberta Negrini, vice-presidente de inclusão e diversidade do Sport.

+Estudo põe seis brasileiros entre os 50 jovens mais valiosos do mundo: veja lista

Publicidade

O Vasco da Gama com seu gigante e honrado histórico com lutas sociais, está entre os concorrentes ao título de clube mais inclusivo do país. Na temporada passada, o Cruzmaltino fez algumas ações com ênfase em minorias e pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Além do lançamento da camisa "Love is Love" em homenagem ao Dia do Orgulho LGBTQIAP+, o time carioca entrou em campo com fogos de artifícios nas cores da bandeira da diversidade, contra o operário-PR, pela Série B do Brasileirão. O Cruzmaltino também promoveu uma ação em prol do reconhecimento de paternidade ao jogar com "XXXXX" no lugar de onde fica os nomes na camisa.Partida entre Vasco e Operário no Estádio São Januário em 24 de junho de 2022. (Daniel RAMALHO/CRVG)

Publicidade

O Bahia fecha a lista dos participantes do prêmio. O Tricolor utilizou as redes sociais para publicar mensagens contra o preconceito no Dia Internacional do Orgulho LGBT e apresentou o "Selo da Diversidade", que apenas entidades que apresentam compromisso pela superação de toda forma de discriminação no mercado de trabalho recebem.

Outra ação feita pelo clube baiano foi o "Torcedor Solidário", lançado na partida contra o Guarani pela Série B. Em parceria com a Fundação José Silveira, o bicampeão brasileiro arrecadou alimentos para pacientes vítimas de tuberculose. Com pontos de coleta espalhados na Arena Fonte Nova, o time enviou diversos alimentos não perecíveis, como feijão, açúcar, farinha, arroz, macarrão, biscoito e óleo, para o Instituto Brasileiro para Investigação da Tuberculose.

Publicidade

+ Flamengo marca reunião com Bayern de Munique: veja os times brasileiros que ainda podem virar SAF em 2023

A CONAFUT dividiu a votação em três categorias: participação popular pelo site, integrantes do congresso e especialistas selecionados pela organização. Com mais de 20 horas de evento, outras sete premiações acontecem no local: CEO; executivo de marketing; executivo de futebol; projeto de futebol feminino; comissão técnica; departamento de análise de desempenho.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.