Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Defesa de Daniel Alves vai recorrer e trabalha por liberdade no fim de março

Segundo o La Vanguardia, a defesa alega que risco de fuga é mínimo e que ele poderia aguardar análise dos recursos em liberdade...

Lance|

A defesa de Daniel Alves, condenado na Espanha a quatro anos e seis meses de prisão pelo crime de agressão sexual, trabalha para que o brasileiro ganhe liberdade no fim de março, segundo informou o jornal La Vanguardia, de Barcelona.

O jogador está preso de forma preventiva, já que ainda cabem recursos em instâncias superiores. Segundo a reportagem, a defesa alega que o risco de fuga é mínimo e que Daniel Alves poderia aguardar a análise dos recursos em liberdade.

➡️ Siga o Lance! Fora de Campo no WhatsApp e saiba o que rola fora das 4 linhas

Preso desde janeiro de 2023 na Catalunha, Daniel Alves terá este tempo já cumprido descontado da pena. Nesse período, ele já teve cinco pedidos de liberdade negados. A alegação da Justiça espanhola foi justamente o risco de fuga.

Publicidade

O brasileiro pagou, antes da sentença, uma indenização de 150 mil euros (cerca de R$ 800 mil) à vítima, o que levou o tribunal a aplicar ao jogador uma circunstância atenuante de reparação do dano, o que ajudou a reduzir a pena. O valor foi doado pela família de Neymar. O jogador está sem acesso aos seus bens desde que foi preso.

O La Vanguardia informou também que a defesa de Daniel Alves pretende propor o pagamento de um depósito como garantia perante a Justiça de que não vai escapar.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.